Eleição democrática, participativa e sem Covid no Sistema Confea/Crea | Ubiratan Félix

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Ubiratan Félix, engenheiro civil, presidente do SENGE Bahia.
Ubiratan Félix, engenheiro civil, presidente do SENGE Bahia.

“O Sistema CONFEA/CREA é um gigante”, disse recentemente o presidente em exercício da entidade em um vídeo institucional. Com quase 1 milhão de profissionais registrados, o Sistema – que representa os detentores do saber tecnológico no Brasil – insiste em fazer eleição no próximo dia 15 de julho de 2020 de forma presencial, usando urnas de lona em meio à pandemia de Coronavírus.

O argumento contrário à eleição por internet é a “suposta falta de segurança e confiabilidade”. Se analisarmos, de forma mais minuciosa, constataremos que se trata de uma falácia. Diariamente, milhões de investidores, inclusive no Brasil, realizam operações de bilhões de dólares em compra e venda de ações. O Congresso Nacional brasileiro e parlamentos de diversos países aprovam projetos e recursos bilionários virtualmente. Os Tribunais Superiores da Justiça no Brasil e no mundo proferem sentenças de modo virtual e remoto, assim como o Sindicato de Engenheiros da Bahia, o do Rio de Janeiro e o do Paraná que realizam há muitos anos eleições pela internet de forma remota. Conselhos profissionais, como o de Administração e de Arquitetura e Urbanismo, realizam eleições pela internet e de forma remota com o índice de participação nas urnas acima de 60%, enquanto o nosso Sistema apresenta índice de aproximadamente 8% em condições normais, ou seja, sem COVID.

A eleição por internet e de forma remota ampliará a participação dos profissionais, facilitando o acesso destes à “urna de votação”. Na Bahia, apenas 32 localidades terão urnas presenciais, ou seja, em alguns casos o profissional terá que viajar 400 quilômetros para votar. Este método, além de dificultar a participação dos profissionais em tempos de COVID 19, não garante a segurança dos votantes, uma vez que parte deles têm perfil de idade e comorbidade dos grupos de risco.

É fundamental revigorar a democracia participativa do Sistema CONFEA/CREA.  Por isso, defendemos que a eleição seja por meio de voto eletrônico remoto pela internet, transformando os computadores de mesa, smartphones e notebooks dos profissionais da Engenharia, Agronomia e Geociências em urnas eletrônicas, possibilitando que os quase 30 mil profissionais registrados no CREA-BA tenham plenas condições de escolher as lideranças que levarão o  Sistema para a modernidade do século 21 no pós-pandemia, sem riscos de contrair a Covid-19.

É preciso que o Sistema se conecte com momento atual em que o país aprofunda o debate sobre democracia, transparência e liberdade. Fazer a eleição com urnas de lona em apenas em 32 localidades distribuídas nos 417 municípios da Bahia vai na contramão dos anseios da sociedade, além de colocar em risco a vida e a saúde dos participantes do processo eleitoral.

Defendemos a realização das eleições em dezembro de 2020 porque precisamos, acima de tudo, preservar a vida dos profissionais que mantêm e contribuem financeiramente para o funcionamento do Sistema, dos seus servidores e seus familiares. A manutenção do voto presencial e das eleições em julho em um cenário que as projeções indicam o aumento dos municípios atingidos, das pessoas contaminadas e mortas é uma total irresponsabilidade e falta de compromisso com a vida.

Votar pela internet é garantir a democracia, a transparência e a vida de todos os profissionais e servidores do Sistema CONFEA/CREA.

*Ubiratan Félix, engenheiro civil, presidente do SENGE Bahia.

Ubiratan Félix, engenheiro civil, presidente do SENGE Bahia.
Ubiratan Félix, engenheiro civil, presidente do SENGE Bahia.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113750 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]