Asmáticos correm maior risco de complicações pela Covid-19

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, existem mais de seis milhões de brasileiros acima de 18 com asma e no mundo, 300 milhões, de acordo com estimativa da Organização Mundial de Saúde.
No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, existem mais de seis milhões de brasileiros acima de 18 com asma e no mundo, 300 milhões, de acordo com estimativa da Organização Mundial de Saúde.

O Dia Nacional de Controle da Asma é lembrando no dia 21 de junho de 2020, próximo domingo, e o doutor Fernando Dias, médico emergencista do Grupo Vitalmed, alerta sobre os cuidados que as pessoas asmáticas devem ter nessa pandemia para manter a asma sob controle e evitar maiores complicações pela covid-19. No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, existem mais de seis milhões de brasileiros acima de 18 com asma e no mundo, 300 milhões, de acordo com estimativa da Organização Mundial de Saúde.

O médico Dias orienta aos portadores de asma seguir o tratamento da doença, tomar a medicação indicada pelo médico, evitar os gatilhos que podem levar a uma crise, como poeira, fumaça de cigarros, pelo de animais de estimação, variações climáticas bruscas e se precaver contra o novo coronavírus. “Esse novo vírus pode causar alterações pulmonares graves, cujas manifestações podem ser ainda mais severas em pacientes asmáticos, com maiores riscos de complicações”, alertou.

A asma se manifesta com falta de ar ou dificuldade para respirar, sensação de aperto no peito ou peito pesado, chiados e tosse. A falta de ar e a tosse podem ser confundidos com os sintomas da covid-19 e aí está a preocupação. De acordo com doutor Dias, o asmático precisa avaliar os sintomas associados, observando que, no caso da covid-19, o vírus provoca febre, tosse seca e dor de cabeça, e lembrar como foram as crises anteriores de asma. “Se a dúvida persistir, procurar orientação médica”, aconselha.

Para Dias, a melhor forma de evitar vírus intrusos no organismos é manter o cuidado com a higiene pessoal: lavar as mãos com água e sabão, frequentemente; higienizar com álcool em gel 70% ou detergente objetos de uso coletivo, como maçanetas, torneiras, controles remoto, corrimão e interruptores de luz; respeitar o distanciamento social, evitar aglomerações e manter a asma sob controle.

No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, existem mais de seis milhões de brasileiros acima de 18 com asma e no mundo, 300 milhões, de acordo com estimativa da Organização Mundial de Saúde.
No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, existem mais de seis milhões de brasileiros acima de 18 com asma e no mundo, 300 milhões, de acordo com estimativa da Organização Mundial de Saúde.
Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112522 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]