Ex-ministro Sérgio Moro concede entrevista à Poliana Abritta

Ex-ministro Sérgio Moro concede entrevista à Poliana Abritta

Em entrevista ao Fantástico, Sérgio Moro reitera que presidente interferiu na PF, diz que estava desconfortável na reunião de 22 de abril de 2020, questiona alianças políticas feitas pelo governo e critica gestão da epidemia. O ex-ministro disse que não saiu antes do governo por ter esperança de emplacar agenda anticorrupção.

Em entrevista exclusiva à Poliana Abritta, veiculada no domingo (24/05/2020) Sergio Moro, ex-ministro da Justiça e da Segurança Pública do Governo Bolsonaro, disse ainda que se sentia constrangido em reuniões com preside e que não tinha espaço para rebater o mandatário.