Petrobras inicia testes em reservatório na área de Forno em Campos

Teste de Longa Duração na área do Plano de Avaliação de Descoberta de Forno, no Campo de Albacora, no pré-sal da Bacia de Campos, está sendo realizado pela Petrobras.
Teste de Longa Duração na área do Plano de Avaliação de Descoberta de Forno, no Campo de Albacora, no pré-sal da Bacia de Campos, está sendo realizado pela Petrobras.
Teste de Longa Duração na área do Plano de Avaliação de Descoberta de Forno, no Campo de Albacora, no pré-sal da Bacia de Campos, está sendo realizado pela Petrobras.
Teste de Longa Duração na área do Plano de Avaliação de Descoberta de Forno, no Campo de Albacora, no pré-sal da Bacia de Campos, está sendo realizado pela Petrobras.

A Petrobras informou neste domingo (17/05/2020) que iniciou neste sábado (16) o Teste de Longa Duração na área do Plano de Avaliação de Descoberta de Forno, no Campo de Albacora, no pré-sal da Bacia de Campos. O teste está sendo realizado em um poço a aproximadamente 120 quilômetros da costa fluminense.

Segundo a empresa, o Teste de Longa Duração tem o objetivo de avaliar o comportamento do reservatório em produção e as características do seu petróleo. As informações técnicas coletadas durante a fase de testes subsidiarão o desenvolvimento complementar do campo, que integra o projeto de revitalização de Albacora, do qual a área de Forno faz parte.

“Ter uma reserva nesta área do pré-sal, abaixo do reservatório do pós-sal, é importante porque abre uma perspectiva para o campo e para sua revitalização”, disse, em nota, o diretor de Exploração e Produção da Petrobras, Carlos Alberto Pereira de Oliveira.

De acordo com a companhia, o Campo de Albacora, na Bacia de Campos, a 184 quilômetros da cidade de Macaé, iniciou sua produção nos reservatórios do pós-sal em 1987. A partir de indícios de óleo na camada pré-sal da concessão, a Petrobras deu início ao Plano de Avaliação de Descoberta na área denominada Forno, onde já foram realizadas atividades de perfuração e sísmica.

O Teste de Longa Duração é uma nova fase do Plano de Avaliação de Descoberta, que prevê a interligação do poço ao FPSO P-31 (navio-plataforma), ancorado em lâmina d’água de aproximadamente 325 metros. Segundo a empresa, essa fase pretende comprovar o potencial produtivo do reservatório, quando a produção terá caráter de teste. A Petrobras é a única operadora do Campo de Albacora.

*Com informações da Agência Brasil.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109707 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]jornalgrandebahia.com.br.