Feira de Santana tem registro de 20 novos casos da Covid-19; Total é de 291

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Boletim epidemiológico da VIEP de Feira de Santana regista 291 casos da Covid-19.
Boletim epidemiológico da VIEP de Feira de Santana regista 291 casos da Covid-19.

Até às 19 horas desta sexta-feira (22/05/2020), o Laboratório Central da Bahia (LACEN) confirmou a ocorrência de 291 casos da Covid-19 em Feira de Santana, destes, 20 são novos casos, 101 evoluíram para cura e deixaram a quarentena domiciliar, outros 178 estão em isolamento domiciliar, 7 pacientes estão hospitalizados e 5 foram a óbito. 11,68% do total de casos têm com local provável de infecção outros municípios e 88,32% ocorreram com transmissão local, informou a Vigilância Epidemiológica (VIEP).

Sobre os óbitos

O quarto caso de óbito em Feira de Santana envolveu uma mulher de 53 anos. Ela estava hospitalizada em Salvador desde o dia 9 de março, apresentada as comorbidades: diabética, ICC, hipertensa e complicações renais e apresentou sintomas da Covid-19 apenas no dia 24 de abril, quase dois meses após a transferência para a capital, demonstrando que a mesma adquiriu a infecção fora do município de residência, disse a VIEP

O quinto caso de óbito, envolveu uma mulher de 72 anos, portadora das comorbidades hipertensão e diabetes. Ela compareceu a unidade de saúde do Município de Feira de Santana em estado grave, evoluiu logo em seguida para óbito, informou a VIEP.

Boletim epidemiológico da VIEP de Feira de Santana regista 291 casos da Covid-19.
Boletim epidemiológico da VIEP de Feira de Santana regista 291 casos da Covid-19.
Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 10110 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).