Vereador propõe que Feira de Santana conceda suporte financeiro à trabalhadores informais

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
José Marques (Zé Curuca): hoje, nós temos os mototaxistas com dificuldades, eles não acham corridas, também temos os vendedores ambulantes e os feirantes.
José Marques (Zé Curuca): hoje, nós temos os mototaxistas com dificuldades, eles não acham corridas, também temos os vendedores ambulantes e os feirantes.
José Marques (Zé Curuca): hoje, nós temos os mototaxistas com dificuldades, eles não acham corridas, também temos os vendedores ambulantes e os feirantes.
José Marques (Zé Curuca): hoje, nós temos os mototaxistas com dificuldades, eles não acham corridas, também temos os vendedores ambulantes e os feirantes.

Ao discursar na tribuna da Câmara Municipal de Feira de Santana, durante a sessão ordinária desta quarta-feira (15/04/2020), o vereador José Marques de Messias (Zé Curuca, DEM) – solicitou que os auxílios oferecidos pelo município sejam prestados na forma de suporte financeiro.

Zé Curuca defendeu a concessão do auxílio em dinheiro, citando como exemplo, o programa Salvador Por Todos, anunciado pelo prefeito da capital baiana, ACM Neto (DEM), que concede R$ 270 mensais aos trabalhadores informais cadastrados do local. De acordo com o parlamentar, esta modalidade de benefício é eficaz porque permite a compra de utensílios essenciais, como o botijão de gás.

“Hoje, nós temos os mototaxistas com dificuldades, eles não acham corridas, também temos os vendedores ambulantes e os feirantes. Eu estou me colocando no lugar dessas pessoas. Você já pensou o quanto essas pessoas estão sofrendo? Então estou fazendo esse apelo a todos os meus colegas vereadores, nós precisamos nos unir e colocar no lugar deles”, reivindicou o edil.

Em aparte, o vereador Luiz Augusto de Jesus – Lulinha (DEM) – informou que o Governo Municipal encontra dificuldades no repasse de recursos, e explicou: “a informação que nós temos é de que o Governo do Estado repassou apenas R$ 1 milhão e 200 para o município, mas, estamos na expectativa de que os recursos venham chegar”. Lulinha também sugeriu que o prefeito solicite recursos da educação juntamente ao ministro de educação, para que seja encaminhada parte da verba do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) aos pais dos alunos de escolas municipais.

Também em aparte, o vereador Ronaldo Almeida Caribé – Ron do Povo (MDB) – concordou com Zé Curuca e reiterou a sua defesa pela oferta de benefícios financeiros que auxiliem os camelôs, mototaxistas e demais trabalhadores informais. O vereador Luiz Ferreira Dias – Luiz da Feira (PROS) –  utilizou o aparte para  elogiar os pronunciamentos dos edis e parabenizar Zé Curuca pelo “gesto de amor aos camelôs e comerciantes que já têm três semanas sem poder comercializar seus produtos e levar o sustento para casa”.

De volta com a palavra, Zé Curuca solicitou que a proposta de criação de um projeto semelhante ao Salvador Por Todos seja elaborada com urgência e garantiu que os vereadores da Casa estarão dispostos a votar assim que o projeto for encaminhado.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 121775 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.