Salvador: Prefeito ACM Neto diz a lojistas e empresários que prioridade ainda é conter a Covid-19

Prefeito ACM Neto se reuniu em videoconferência com representantes do setor lojista e empresarial para avaliar os impactos do coronavírus na economia.
Prefeito ACM Neto se reuniu em videoconferência com representantes do setor lojista e empresarial para avaliar os impactos do coronavírus na economia.
Prefeito ACM Neto se reuniu em videoconferência com representantes do setor lojista e empresarial para avaliar os impactos do coronavírus na economia.
Prefeito ACM Neto se reuniu em videoconferência com representantes do setor lojista e empresarial para avaliar os impactos do coronavírus na economia.

O prefeito ACM Neto se reuniu na tarde desta segunda-feira (27/04/2020), em videoconferência no Palácio Thomé de Souza, com representantes do setor lojista e empresarial para avaliar os impactos do coronavírus na economia e discutir de que forma se daria uma reabertura do comércio na capital baiana. A reunião contou com as presenças de representantes da Câmara de Dirigentes Lojistas de Salvador (CDL), da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas da Bahia (FCDL-BA) e da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo da Bahia (Fecomércio), além do secretário municipal de Desenvolvimento e Urbanismo, Sérgio Guanabara.

“Já começamos a desenhar, na Prefeitura, um protocolo de retomada das atividades comerciais na cidade. Mas ainda não temos uma data definida para que essa reabertura aconteça. Tudo será feito com muita responsabilidade e cuidado, pois não podemos jogar fora as conquistas que já obtivemos até aqui para evitar um crescimento desenfreado e incontrolável do novo coronavírus, a exemplo do que já ocorre em outras cidades brasileiras”, disse ACM Neto na reunião.

O prefeito, que revelou preocupação com as notícias falsas (fake news) que circulam sobre a reabertura das atividades comerciais em Salvador, reafirmou a aflição com os impactos econômicos do coronavírus, bem como das medidas de isolamento social necessárias contra a Covid-19. Mas defendeu que a prioridade é preservar a vida das pessoas. “”Estamos discutindo a melhor forma de reabrir o comércio com as entidades representativas, visando defender os empregos e assegurar também a defesa da vida das pessoas”, salientou.

As medidas restritivas às atividades comerciais na cidade vigoram até o dia 4 de maio. A Prefeitura ainda não definiu se haverá prorrogação dos decretos, o que só será anunciado no início do próximo mês.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110940 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]