Salvador: Custos disparam por causa do coronavírus e Hospital Martagão Gesteira e unidade de saúde faz campanha para conseguir doações

Cartaz anuncia campanha de doação do Hospital Martagão Gesteira.
Cartaz anuncia campanha de doação do Hospital Martagão Gesteira.
Cartaz anuncia campanha de doação do Hospital Martagão Gesteira.
Cartaz anuncia campanha de doação do Hospital Martagão Gesteira.

Diante dos impactos da pandemia do coronavírus, o Hospital Martagão Gesteira, unidade de saúde que atende a mais de 80 mil crianças por ano, lança uma campanha para reforçar as doações financeiras. Instituição filantrópica, o Martagão conta com os atos de solidariedade da população para prestar atendimento aos pacientes. Somente com relação aos equipamentos de proteção individual (EPI), como máscaras, luvas e aventais, o custo mensal aumentou de cerca de R$ 30 mil para R$ 216 mil.

“Neste momento, em que o mundo enfrenta o desafio de combater a transmissão e contágio do coronavírus e o distanciamento social acaba sendo importante, precisamos ainda mais do apoio da sociedade. É com a ajuda financeira da população que acredita no nosso trabalho que podemos continuar a cobrir o déficit mensal da nossa instituição e garantir o atendimento a crianças de todo o estado da Bahia”, ressalta o presidente da Liga Álvaro Bahia Contra a Mortalidade Infantil (entidade mantenedora do Martagão), Carlos Emanuel Melo.

Com o mote “Quando falta você, falta tudo”, a campanha reforça que com o apoio da sociedade será possível superar essa fase e a necessidade de continuar doando para a instituição.

As doações podem ser feitas online (transferências bancárias), por meio das contas disponibilizadas no site do hospital ou por meio da plataforma Kickante (kickante.com.br/martagao). “O Martagão tem uma receita de aproximadamente R$ 6 milhões por mês e uma despesa 10% acima disto. E como é que a gente administra isso? Através de ações de mobilização social, doações, captação de recurso. Tudo isto representa uma espécie de colaboração e é essa engrenagem que faz a gente manter esse hospital funcionando”, acrescenta Melo.

Segundo o presidente da Liga, 70% dos pacientes são oriundos de famílias cuja renda familiar é igual ou inferior a um salário mínimo. “São números do ambulatório do Martagão. É um hospital vocacionado para atender doenças graves de crianças pobres. E só conseguimos garantir esse acesso à saúde porque a sociedade nos apoia. Sem as doações, nada disso seria possível”, acrescenta. Mais informações sobre as doações financeiras: (71) 3032-3773 ou www.martagaogesteira.org.br/doe-agora.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112572 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]