Prefeitura do Rio de Janeiro decreta estado de calamidade pública

O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, fala em coletiva de imprensa sobre novos casos e providências em relação ao coronavirus.
O prefeito do Rio, Marcelo Crivella, fala em coletiva de imprensa sobre novos casos e providências em relação ao coronavirus.

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, decretou estado de calamidade pública no município por conta da pandemia de coronavírus. A medida precisará ser aprovada pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, que vai analisar na semana que vem outros decretos semelhantes de municípios fluminenses.

O decreto foi oficializado em uma edição extra do Diário Oficial do Município do Rio, publicada na noite de ontem, e traz em seu artigo 1º que a epidemia “impede o cumprimento das obrigações financeiras, orçamentárias e fiscais, diante da necessidade de adoção de medidas de enfrentamento da emergência em saúde pública, de importância internacional”.

A prefeitura fundamenta que a medida é necessária para a implementação de medidas de natureza orçamentária, financeira e fiscal capazes de incrementar, em caráter excepcional, a proteção à saúde pública.

A situação de calamidade pública também foi decretada pelo governo estadual em 20 de março, e pelo governo federal, em 2 de abril.

*Com informações da Agência Brasil.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108757 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]