Ministério da Saúde investiga e descobre que 1ª morte por Covid-19 no Brasil foi em janeiro de 2020

Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde do Governo Bolsonaro.
Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde do Governo Bolsonaro.
Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde do Governo Bolsonaro.
Luiz Henrique Mandetta, ministro da Saúde do Governo Bolsonaro.

O Ministério da Saúde fez uma investigação e descobriu que a primeira morte pelo novo coronavírus no Brasil foi no dia 23 de janeiro de 2020, informou a assessoria de imprensa da pasta nesta quinta-feira (02/04/2020).

Segundo o ministério, o óbito com Covid-19 foi de uma mulher de 75 e ocorreu em Minas Gerais. Isso significa que o vírus estava no país antes do que se imaginava.

O primeiro caso confirmado pelo novo coronavírus no Brasil, um homem em São Paulo, tinha sido anunciado em 26 de fevereiro.

Em entrevista coletiva no Palácio do Planalto, o secretário de Vigilância em Saúde do ministério, Wanderson de Oliveira, disse que a morte de janeiro trata-se de um caso importado, que foi contraído em outro país.

“As equipes nos estados estão investigando, encerrando os casos. Tanto é que a gente identifica, ou seja, havia circulação inicial de casos já no final de janeiro de 2020 no Brasil, com caso importado obviamente”, disse.

“Esse caso agora está sendo mais investigado, mas o resultado laboratorial é PCR (exame laboratorial). Não tem dúvida que é um caso confirmado”, completou.

*Com informações de Ricardo Brito, da Agência Reuters.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109913 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]