Investimentos de empresas implantadas na Bahia crescem 84%; Governo Rui Costa promoveu incentivos de R$ 1,2 bilhão em 2020

Investimentos em energia renovável avançam na Bahia.
Investimentos em energia renovável avançam na Bahia.
Investimentos em energia renovável avançam na Bahia.
Investimentos em energia renovável avançam na Bahia.

O volume de investimentos de empresas implantadas na Bahia, nos dois primeiros meses de 2020, cresceu 84,8% em relação ao mesmo período do ano passado. Os empreendimentos, com protocolos assinados com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE), injetaram R$ 1,2 bilhão, enquanto no mesmo período de 2019, o volume foi de R$ 686,6 milhões. As informações constam no Informe de Desenvolvimento Econômico, divulgado nesta sexta-feira (13/03/2020).

“A Equatorial Transmissora 2 SPE foi responsável pela maior fatia do investimento, R$ 516 milhões, beneficiando o escoamento de energia elétrica no Estado. As linhas de transmissão foram instaladas nos municípios de Barreiras, Riachão das Neves, Angical, Santa Rita de Cássia, Mansidão e Buritirama”, informa o vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico.

De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), essa linha de transmissão é solução estrutural para expansão da Rede Básica da Área Leste, do Nordeste, para o escoamento do potencial eólico dessa região.

Futuros empreendimentos

A previsão de investimentos dos protocolos de intenções assinados também subiu. Enquanto no mesmo período do ano passado foram firmados R$ 174,5 milhões em investimentos, este ano já foram assinados R$ 633,7 milhões, com previsão de geração de 740 novos postos de trabalho na Bahia. A Atlas Renewable Energy será responsável por 80% deste valor, a ser aplicado na construção da Central Fotovoltaica Juazeiro Solar, em Juazeiro.

A Bahia tem 365 empreendimentos em processo de implantação, com aporte de R$ 35 bilhões e oferta potencial de 49,4 mil postos de trabalho. 60% dos investimentos estão previstos para entrarem em operação até 2022. O segmento de Energias Renováveis vai investir R$ 14,6 bilhões e gerar 4,2 mil empregos.

Indústria baiana

O desempenho positivo da produção industrial baiana, de dezembro para janeiro deste ano, com crescimento de 10,3%, divulgado pelo IBGE na quinta-feira (12), indica um caminho de recuperação, segundo a SDE. O resultado positivo do setor da indústria na Bahia, em janeiro, teve como influências a fabricação de produtos derivados do petróleo e de biocombustíveis (40,7%), celulose, papel e produtos de papel (31,6%), fabricação de veículos automotores (8,6%) e bebidas (5,2%), de acordo com o IBGE.

No ano passado, segundo a SDE, a indústria baiana teve destaque na geração de empregos, com oferta de 23 mil novos postos de trabalho. Para 2020, o Informe Executivo de Indústria, divulgado em janeiro pela Secretaria, prevê a geração de 12,8 mil empregos e um aporte de R$ 6,5 bilhões em investimentos privados, com os 153 empreendimentos do segmento industrial, incentivados pelo Governo do Estado, em implantação.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109708 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]