Encerramento da Mostra da Diversidade Cultural será apresentado em patrimônios de Feira de Santana

Oficina do projeto Vem Jogar Mais Eu.
Oficina do projeto Vem Jogar Mais Eu.
Oficina do projeto Vem Jogar Mais Eu.
Oficina do projeto Vem Jogar Mais Eu.

No dia 15 de março de 2020, de 9 até 17 horas, acontecerá o encerramento do projeto Mostra da Diversidade Cultural – Imagens da Cultura Popular, na Praça e no Casarão Fróes da Motta, patrimônios culturais de Feira de Santana. A programação, que é gratuita e aberta ao público, prevê apresentações dos artistas e grupos culturais que foram contemplados no Prêmio Cultura e Desenvolvimento Local, já em sua segunda edição.

A Mostra contará com apresentações resultantes das oficinas desenvolvidas por artistas e instituições apoiados pelo Prêmio, entre os quais Zé das Congas, Dionorina, Tambores Urbanos e Moviafro, além de shows da Quixabeira da Matinha, Filarmônica 25 de Março, Roda de capoeira, projeto Jam Na Cuca, dentre outras ações de caráter formativo, a exemplo da palestra sobre elaboração de projetos culturais e captação de recursos organizada pela Casa Azul.

A Mostra marca o encerramento do programa Belgo Bekaert Forma e Transforma, uma inciativa da Belgo Bekaert Arames, em parceria com a ONG Favela é Isso Aí, por meio da Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania e Governo Federal e da Lei Federal de Incentivo à Cultura. Os parceiros e apoiadores locais são a UEFS e a Prefeitura Municipal de Feira de Santana.

O resultado da mostra final foi organizado em conjunto com todos os grupos e artistas feirenses selecionados no Prêmio Cultura e Desenvolvimento Local, edição 2019.

Para saber sobre a programação completa da mostra basta acessar a página do projeto em www.facebook.com/feiracultura/.

Sobre o Prêmio Cultura e Desenvolvimento Local

A segunda edição do Prêmio foi lançada em setembro de 2019 e contemplou 13 projetos feirenses, dentre os 34 que foram inscritos na época, com premiação em dinheiro e encontros formativos. Os projetos contemplados vêm desenvolvendo atividades desde novembro de 2019. O Prêmio integra o projeto Mostra da Diversidade Cultural – Imagens da Cultura Popular, é uma realização da ONG Favela é Isso Aí, Secretaria Especial da Cultura do Ministério da Cidadania e Governo Federal e Belgo Bekaert Arames, viabilizada por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

Sobre a Belgo Bekaert Arames

Com o objetivo de ser a principal empresa mundial em soluções de arame, a Belgo Bekaert Arames foi fundada em 1º. de março de 1997, resultado de uma joint venture entre o maior grupo siderúrgico do mundo, a ArcelorMittal S.A., e o maior produtor mundial de arames, a N.V. Bekaert.

Referência global na fabricação de aço, a ArcelorMittal está presente em 61 países, atendendo ao mercado siderúrgico com produtos de alta qualidade.

Líder no mercado de arames, a N.V. Bekaert Arames possui mais de 130 anos de atuação, com presença em mais de 120 países, sempre aliando sua tradição ao avanço tecnológico constante.

A Belgo Bekaert Arames é líder no mercado brasileiro de arames. Atualmente a empresa possui unidades em Contagem e Sabará, em Minas Gerais; Osasco e Sumaré, em São Paulo e Feira de Santana, na Bahia.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114963 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.