Decreto da Prefeitura de Feira de Santana prevê fechamento de academias e cinemas até 19 de abril de 2020, como medida de prevenção a pandemia de Covid-19

Continuará suspenso em virtude das medidas para o enfrentamento do Covid-19, o funcionamento das academias de ginástica, os cinemas, teatros e demais casas de espetáculos, bem como os parques infantis privados e centros esportivos.
Continuará suspenso em virtude das medidas para o enfrentamento do Covid-19, o funcionamento das academias de ginástica, os cinemas, teatros e demais casas de espetáculos, bem como os parques infantis privados e centros esportivos.
Continuará suspenso em virtude das medidas para o enfrentamento do Covid-19, o funcionamento das academias de ginástica, os cinemas, teatros e demais casas de espetáculos, bem como os parques infantis privados e centros esportivos.
Continuará suspenso em virtude das medidas para o enfrentamento do Covid-19, o funcionamento das academias de ginástica, os cinemas, teatros e demais casas de espetáculos, bem como os parques infantis privados e centros esportivos.

Continuará suspenso por determinação do Governo Municipal até 19 de abril, em virtude das medidas para o enfrentamento do Covid-19, o funcionamento das academias de ginástica, os cinemas, teatros e demais casas de espetáculos, bem como os parques infantis privados e centros esportivos.

As novas medidas para conter o avanço da Covid-19 em Feira de Santana foram anunciadas pelo prefeito Colbert Martins Filho, na tarde deste sábado, 28, e estão disponíveis no Diário Oficial Eletrônico, na página oficial da Prefeitura de Feira de Santana: www.feiradesantana.ba.gov.br.

O decreto prorroga também o fechamento do comércio, dos bares e restaurantes durante o período entre 30 de março a 6 de abril. Ainda prevê o fechamento do Mercado de Arte Popular (MAP), o Feiraguay, shopping centers, galerias e afins, nesse período.

A Prefeitura mantém funcionando segmentos do comércio considerados de natureza essencial e, também, praticamente toda a cadeia de negócios relacionados a serviços.

A medida com o objetivo de para evitar aglomerações, em tempos de coronavírus, foi definida após reuniões com lideranças empresárias e secretários municipais.

Vale salientar que, conforme o decreto municipal, o não cumprimento das medidas estabelecidas “será caracterizado como violação à legislação municipal e sujeitará o infrator às penalidades e sanções aplicáveis, inclusive, no que couber, cassação de licença de funcionamento”.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114859 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.