Senador Cid Gomes é alvejado por tiros, durante episódio de violência provocado por policiais militares amotinados em Sobral, Confira vídeo

Senador Cid Gomes é vítima de violência policial.Senador Cid Gomes é vítima de violência policial.
Senador Cid Gomes é vítima de violência policial.

Senador Cid Gomes é vítima de violência policial.

O senador licenciado Cid Gomes (PDT), irmão do ex-ministro Ciro Gomes, foi alvejado com tiros nesta quarta-feira (19/02/2020), em Sobral, interior do Ceará, durante manifestação de PMs amotinados.

Os policias militares estavam em frente ao Terceiro Batalhão da Polícia Militar da cidade, quando efetuaram disparos contra o membro do parlamento.

Segundo o ex-governador do Ceará e ex-candidato a presidente Ciro Gomes (PDT), irmão de Cid, o senador levou dois tiros, mas não corre risco de morte.

Cid, que está licenciado do Senado, dirigia uma retroescavadeira e tentou avançar sobre o portão do batalhão da cidade, tomado por policiais militares. O trator foi alvejado e teve os vidros estilhaçados.

O senador foi retirado por pessoas que o acompanhavam, consciente e andando, e levado ao hospital do Coração de Sobral. A assessoria de Cid informou que o senador passava por estabilização e será transferido para a Santa Casa de Misericórdia de Sobral.

Nas redes sociais, Ciro Gomes disse que as balas não atingiram órgãos vitais.

“Meu irmão Cid Gomes foi vítima de dois tiros de arma de fogo por parte de policiais militares amotinados e mascarados em Sobral, nossa cidade. Até aqui as informações médicas são de que as balas não atingiram órgãos vitais apesar de terem mirado seu peito esquerdo”, escreveu Ciro.

“Novos exames estão sendo feitos, mas a palavra aos familiares e amigos é de que Cid não corre risco de morte. Espero serenamente, embora cheio de revolta, que as autoridades responsáveis apresentem prontamente os marginais que tentaram este homicídio bárbaro às penas da lei”, afirmou.

No início da tarde, Cid Gomes avisou por meio de rede social que chegaria em Sobral para tentar negociar o fim do motim dos policiais militares. Ele pediu que a população o acompanhasse até o batalhão.

Desde a noite de terça-feira (18), PMs fazem motim contra a proposta de reestruturação salarial feita pelo governo do Estado.

Trajetória

Cid Gomes é senador licenciado. Ele se afastou em dezembro para cuidar das eleições municipais no Ceará. Em seu lugar assumiu seu suplente Prisco Bezerra (PDT-CE).

Sobral é a base eleitoral de Ciro Gomes, candidato a presidente derrotado em 2018 e que apoia o governador Camilo Santana.

Cid foi governador do Estado em momento semelhante de crise com a PM, em 2012.

*Com informações de Marcel Rizzo, do Jornal Folha de S.Paulo.

Confira vídeo

 

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).