Presidente Jair Bolsonaro marca tempo para ministro neoliberal Paulo Guedes “mostrar serviço”; Retrocesso socioeconômico do desgoverno dos extremistas de direita incomoda

Paulo Guedes, ministro da Economia do Governo Bolsonaro.

Paulo Guedes, ministro da Economia do Governo Bolsonaro.

Segundo o colunista do UOL Tales Faria, o “prazo de validade” do ministro da Economia, Paulo Guedes, como superministro vence em julho de 2020. O articulista apurou que é isso que o presidente Jair Bolsonaro tem dito aos auxiliares mais próximos.

Por que julho? Porque no segundo semestre as campanhas para as eleições municipais estarão a pleno vapor. Se até julho a economia continuar desaquecida, como atualmente, dificilmente criará um clima de otimismo até outubro capaz de eleger um grande número de aliados do presidente pelo país.

A partir de julho, se a economia não tiver dado sinais de que, enfim, vai deslanchar, Bolsonaro pretende intervir mais fortemente na política econômica. Isso só será possível tirando os poderes de superministro de Paulo Guedes.

O problema é que o ministro também já deixou claro que não aceitará ter seu superministério esvaziado.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]