Feira de Santana: Aluna do Arte de Viver é aprovada em Curso de Interpretação Teatral da UFBA

Bianca Porto, aluna de uma das oficinas de teatro, foi aprovada para o curso de Interpretação Teatral na Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia.

Bianca Porto, aluna de uma das oficinas de teatro, foi aprovada para o curso de Interpretação Teatral na Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia.

Em Feira de Santana, o Programa Arte de Viver oferece gratuitamente diversos cursos de iniciação artística e cultural à população. O programa, mantido pelo Governo do prefeito Colbert Martins Filho, através da Fundação Egberto Costa, disponibiliza vagas para oficinas de artes plásticas, danças, capoeira, ballet, teatro, entre outros; em localidades espalhadas por toda a cidade.

Um desses locais é o Centro de Cultura Maestro Miro – equipamento da Prefeitura, e onde se concentram a maioria das turmas, junto a administração do Programa Arte de Viver. Lá acontecem diversas oficinas. Recentemente, toda a equipe do CCMM foi surpreendida com a notícia de que Bianca Porto, aluna de uma das oficinas de teatro, foi aprovada para o curso de Interpretação Teatral na Escola de Teatro da UFBA (Universidade Federal da Bahia).

Bianca, 16 anos, aluna do Arte de Viver há mais de um ano, conta que durante a oficina passou por uma longa transformação, perdendo a timidez e em constante evolução. Para ela, a experiência de participar da seleção foi positiva, antes mesmo da aprovação, pois teve contato com várias pessoas que estavam em busca do mesmo objetivo.

“Quando eu entrei aqui, me tornei outra pessoa, pois era muito tímida, mas sempre recebi as dicas e orientações de Kadu para isso. Porque estar no palco é isso: é a personagem que está ali, não é Bianca; é sentir e ser outra pessoa ao mesmo tempo. A experiência da seleção foi incrível: eu esperava uma coisa e foi outra ainda melhor. Ali todo mundo se ajudava, já que todos buscavam um objetivo em comum; e estavam ali por amor ao Teatro”, contou Bianca.

O professor da oficina, Kadu Fragoso, além de ajudar na formação de Bianca durante as oficinas, também a auxiliou na preparação para as provas práticas da segunda fase do vestibular. Ele assume que comemora bastante as conquistas de cada um dos seus alunos, pois significa que o seu trabalho como educador, através das oficinas do Programa Arte de Viver, está sendo efetivo e têm gerado resultados positivos.

“A segunda fase do vestibular da UFBA, na verdade é uma semana de provas. Essas provas são de corpo, voz, improvisação, tem uma prova escrita, onde é necessário estudar algumas peças para fazer uma análise escrita. Mas a minha orientação foi com base no que eu já vivenciei antes, o mérito da conquista é todo dela. Ter uma aluna tão incrível como Bianca, que com 16 anos fez o seu primeiro vestibular e foi aprovada para a Escola de Teatro da UFBA é uma conquista dela, do Projeto Arte de Viver, e que serve como exemplo para os demais alunos”, comenta Kadu.

O diretor do Centro de Cultura Maestro Miro e do Programa Arte de Viver, Luiz Augusto Oliveira, avalia positivamente a conquista de Bianca, que foi aluna do programa durante 1 ano e 6 meses.

“Estamos muito satisfeitos, pois trata-se do reconhecimento de que através de um vestibular uma aluna que frequentou, participou ativamente das oficinas, alcançou um bom resultado e foi aprovada. Isso nos dá ânimo redobrado para seguir adiante com as atividades que realizamos através do Arte de Viver, e com a expectativa que outros alunos também alcancem resultados positivos, assim como a Bianca”, comentou Luiz Augusto.

O Programa, que neste ano já está em pleno funcionamento, continua com as inscrições abertas para as oficinas do semestre 2020.1. Os interessados em participar das oficinas devem se dirigir ao Centro de Cultura Maestro Miro, localizado no bairro Muchila, com seu RG, CPF e comprovante de endereço originais.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]