Diesel da Petrobras acumula queda de 18% em 2020

Petrobras reduz preço do diesel nos primeiros meses de 2020.Petrobras reduz preço do diesel nos primeiros meses de 2020.


Petrobras reduz preço do diesel nos primeiros meses de 2020.

Petrobras reduz preço do diesel nos primeiros meses de 2020.

A Petrobras reduzirá o preço médio do óleo diesel nas refinarias em 5% a partir deste sábado (29/02/2020), acumulando uma queda de 18% nos dois primeiros meses de 2020, com a empresa acompanhando as reduções nas cotações do petróleo em meio a temores de desaceleração na demanda global devido ao avanço do coronavírus.

A gasolina, por sua vez, terá seu valor médio reduzido em 4% nas refinarias a partir de sábado, acumulando recuo de 12% em 2020, segundo a companhia e dados compilados pela Reuters.

“O ajuste está em consonância com a queda de preços no mercado internacional. O coronavírus levou a uma retração muito grande dos preços (de petróleo e combustíveis) nos últimos dias, e isso estava trazendo uma defasagem grande do preço doméstico em relação ao importado”, disse o chefe da área de óleo e gás da consultoria INTL FCStone, Thadeu Silva.

Os preços nos postos, no entanto, não têm refletido as quedas na mesma proporção.

RECUO MENOR NAS BOMBAS

Até a última semana, o preço médio do óleo diesel nas bombas havia acumulado queda de cerca de 2% no ano, segundo os últimos dados publicados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), contra recuo de 13,8% no valor médio da Petrobras nas refinarias —sem considerar a redução de sábado.

Já o valor médio da gasolina nos postos teve uma queda acumulada de 0,5% no ano até a última semana, ante um recuo de 8,6% do combustível vendido pela Petrobras nas refinarias.

Os cortes de preços da petroleira estatal refletem a política que segue o princípio da paridade de importação, que leva em conta preços no mercado internacional mais os custos de importadores, como transporte e taxas portuárias, com impacto também do câmbio.

O repasse de ajustes dos combustíveis nas refinarias para o consumidor final nos postos não é imediato e depende de diversos fatores, como consumo de estoques, impostos, margens de distribuição e revenda e mistura de biocombustíveis.

*Com informações de Marta Nogueira, da Agência Reuters.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]