Deputada Lídice da Mata diz que vai representar no MPF contra falso depoimento de profissional de mídias digitais ocorrido na CPMI das Fake News

Deputada Lídice da Mata vai representar contra Hans River Rio Nascimento por indício de falso testemunho.

Deputada Lídice da Mata vai representar contra Hans River Rio Nascimento por indício de falso testemunho.

A deputada federal Lídice da Mata (PSB), relatora da CPMI das Fake News, afirmou nesta quarta-feira (12/02/2020) que vai representar no Ministério Público Federal (MPF), objetivando tomada de providências para apuração de falso testemunho de Hans River Rio Nascimento, ex-funcionário da empresa de marketing digital Yacows, na CPMI das Fake News. De acordo com a relatora da Comissão, River fez um depoimento falso, sobretudo quando ofendeu a honra da jornalista Patrícia Campo Mello, da Folha de São Paulo. “É preciso que, imediatamente, o Ministério Público investigue e tome as devidas providências”, disse.

Segundo a deputada baiana, o ex-funcionário de uma agência de marketing digital terá ter que provar tudo o que disse em depoimento à CPMI. Ainda conforme a relatora da CPMI das Fake News, o depoente denunciou um crime ao confessar o uso de cadastros não autorizados para os disparos de mensagens em massa durante as eleições de 2018.

“Ele fez declarações inconsistentes. A todo instante, perguntávamos se ele tinha ciência de que mentir na CPMI resultaria punições. Não podemos ficar em silêncio diante disso. Alguns queriam uma medida extremada ontem, que fosse decretada a prisão dele, mas o presidente da CPMI foi precavido”, afirmou Lídice ao site O Antagonista.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]