Cuidados para evitar lesões durante o Carnaval 2020

Artigo aborda prevenção a lesões musculares e ósseas durante o carnaval.
Artigo aborda prevenção a lesões musculares e ósseas durante o carnaval.
Artigo aborda prevenção a lesões musculares e ósseas durante o carnaval.
Artigo aborda prevenção a lesões musculares e ósseas durante o carnaval.

É preciso ter alguns cuidados com o corpo para evitar lesões durante o Carnaval. Os foliões sedentários devem redobrar a atenção, para que a sobrecarga de atividade física durante a festa não provoque problemas musculares ou lesões nos pés, tornozelos, joelhos, quadril e coluna.

Muito cuidado na hora de escolher o calçado, que deve proteger os pés, a coluna e as articulações.  O ideal é evitar chinelos e sandálias rasteirinhas. “Eles não protegem os pés das irregularidades do solo e não têm o amortecimento necessário, para diminuir a sobrecarga articular ascendente”, alerta o fisioterapeuta Bruno Moitinho, da Clínica Personal, da Central Nacional Unimed em Salvador.

O melhor é não usar salto alto, nem mesmo os do tipo plataforma, para evitar torções nos joelhos e tornozelos. “Um passo em falso, em um salto alto, pode gerar uma lesão no tornozelo, por exemplo”, alerta o fisioterapeuta.

Além disso, vale lembrar que permanecer longos períodos em pé, caminhando e dançando de salto alto, exige muito da musculatura e da articulação do joelho e do quadril. Ele recomenda uso de tênis confortável e com amortecimento.

Preparação prévia

Para os foliões que vão brincar em blocos e terão de pular e dançar atrás do trio elétrico durante horas, a dica é fazer uma preparação muscular prévia, para que os joelhos e quadris suportem tamanha exigência.

“A preparação física prévia é fundamental, assim como o cuidado com pisos irregulares e escorregadios, para evitar quedas e torções”, enfatiza Bruno Moitinho.

Alongamento

Um cuidado importante para evitar lesões musculares é o alongamento dos membros inferiores, coluna lombar e cervical, que são as partes do corpo mais exigidas pelo folião. Durante o alongamento, é preciso respeitar o limite de cada músculo e articulação e cada grupo muscular deve ser alongado durante 30 segundos, ensina o fisioterapeuta.

As lesões mais comuns decorrentes do excesso de esforço físico são os estiramentos e contraturas. “Mas não é correto tentar fazer alongamento nessas situações, porque o problema pode ser agravado”, adverte Bruno Moitinho.

Sofrer com entorse de tornozelo ou ter o pé fortemente pisado durante a folia momesca são episódios comuns. “Além de escolher bem o calçado é preciso evitar o consumo excessivo de álcool, que pode reduzir a atenção e comprometer a boa movimentação do corpo”, alerta. Bruno Moitinho ressalta ainda que beber muita água, manter a hidratação, traz benefícios em todos os aspectos, inclusive ajuda a prevenir lesões.

Dicas de saúde para quem vai brincar

Escolha o calçado adequado, tênis ou calçados ortopédicos;

Prefira meias confortáveis e leves: as de algodão são as melhores porque absorvem suor e protegem o pé de fungos e bactérias;

Também preste atenção ao elástico da meia, que não deve apertar os pés ou as pernas;

Prepare sua musculatura, principalmente coluna, abdômen, quadril e joelhos;

Corte as unhas retinhas e não muito curtas, se a unha estiver encravada, recorra a um profissional especializado, antes da folia, para não piorar o quadro (uma unha dolorida muda a biomecânica da pisada e sobrecarrega até a coluna);

Limpe e proteja os pés. Para quem transpira muito, é recomendado se valer de antissépticos e caprichar na higienização dos sapatos (fechados ou abertos);

Não use o mesmo sapato em todos os dias de festa e deixe-os ao sol sempre que possível, depois de higienizá-los.

Sobre a Central Nacional Unimed

A Central Nacional Unimed é a operadora nacional dos planos de saúde empresariais da marca Unimed. Sua carteira de clientes é composta por cerca de 1,7 milhão de clientes de grandes corporações brasileiras. Também trabalha com PME e foco regional em Salvador, São Luís, Brasília e São Paulo. Em 2018, a Central Nacional Unimed registrou receita de R$ 5,6 bilhões (+9,3% em relação a 2017). É considerada uma das melhores empresas para se trabalhar e uma das melhores para se iniciar a carreira. Faz parte do Sistema Unimed, composto por 345 cooperativas médicas presentes em todo o território nacional, que compartilham os valores do cooperativismo e o trabalho para valorização dos médicos e da medicina.

Sobre a Central Nacional Unimed

A Central Nacional Unimed é a operadora nacional dos planos de saúde empresariais da marca Unimed. Sua carteira de clientes é composta por cerca de 1,7 milhão de clientes de grandes corporações brasileiras. Também trabalha com PME e foco regional em Salvador, São Luís, Brasília e São Paulo. Em 2018, a Central Nacional Unimed registrou receita de R$ 5,6 bilhões (+9,3% em relação a 2017). É considerada uma das melhores empresas para se trabalhar e uma das melhores para se iniciar a carreira. Faz parte do Sistema Unimed, composto por 345 cooperativas médicas presentes em todo o território nacional, que compartilham os valores do cooperativismo e o trabalho para valorização dos médicos e da medicina.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111088 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]