ALBA: Nelson Leal diz que demissão do secretário da Cultura “era o mínimo que a sociedade brasileira esperava”

Nelson Leal: as pessoas têm que aprender que o embate político tem limites.

Nelson Leal: as pessoas têm que aprender que o embate político tem limites.

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), deputado Nelson Leal disse hoje (17/01/2020) que a exoneração do secretário especial da Cultura, Roberto Alvim, “era o mínimo que a sociedade brasileira esperava”.

“Além de perder o emprego, ele tem que ser responsabilizado criminalmente: fazer apologia ao nazismo, pela lei brasileira, é crime. É bom que algumas pessoas aprendam que o embate político tem limites, e entre eles preservar a democracia, a liberdade e a vida”, disse Leal.

Para o chefe do Legislativo tem coisas que são inadmissíveis e uma delas é atentar contra o Estado de Direito. “O jogo político tem que ser jogado com regras. Não gostou, reprova nas urnas. No grito, com ódio e com violência, não!”, reitera o presidente da ALBA.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]