Salvador: Manuela Rodrigues estreia show ‘Grito’ na Sala do Coro do Teatro Castro Alves

Manuela Rodrigues, cantora e compositora.

Manuela Rodrigues, cantora e compositora.

A cantora e compositora Manuela Rodrigues apresenta o seu novo show, “Grito”, na Sala do Coro do TCA, dia 03 de dezembro (terça-feira), às 20h. A intérprete assume sua faceta instrumentista e apresenta canções inéditas, cantando e tocando piano, numa formação minimalista. O show alterna momentos solo de Manuela e momentos em que a artista se junta aos músicos Alexandre Vieira (baixo) e Marcos Santos (bateria) na formação de um trio. As temáticas das canções são desabafos, uma catarse a partir de questões de relacionamentos, questões políticas, existenciais e questões que atingem a mulher negra na sociedade. O título permeia as letras das canções como um convite a colocar pra fora tudo aquilo que está preso na garganta. A ideia do show “Grito” foi motivada pela pesquisa de mestrado de Manuela, concluída em abril deste ano, onde a artista investigou o seu processo criativo ao compor usando o piano como instrumento de acompanhamento.

O repertório é composto por seis músicas inéditas, como as canções “Grito”, “Pra Afugentar O Medo”, “Delírio Letal”, “Siga Na Pista” e canções conhecidas do público da cantora, a exemplo de “Ventre”, “Marcha do Renascimento” (do disco “Se a Canção Mudasse Tudo”) e outras, como “Neurose”, “Barraqueira”. Larissa Lacerda assina a luz do espetáculo e Caji o som. Manuela prepara seu quarto álbum para 2020, onde apresentará suas canções em duas versões, uma versão com banda e outra no formato voz e piano.

Os ingressos para o espetáculo podem ser adquiridos na bilheteria do Teatro Castro Alves, nos SACs do Shopping Barra e do Shopping Bela Vista ou pelos canais da Ingresso Rápido. Acesse página de vendas em http://site.ingressorapido.com.br/tca

Sobre Manuela Rodrigues

Com uma longa e significativa experiência artística e musical, a artista Manuela Rodrigues vem conquistando espaço e reconhecimento ao longo de sua trajetória, que começou aos 9 anos, com estudo de flauta, piano erudito, iniciação musical, canto coral, até formar-se em Canto pela Universidade Federal da Bahia (UFBA) em 2001. A cantora baiana ganhou destaque com apresentações em projetos como Petrobrás de Música, Música no Porto, Música no Parque, Conexão Vivo. Realizou apresentações em espaços importantes, como o Auditório Ibirapuera, SESC Pompéia, Praça Municipal de Belo Horizonte.

Estudou música em New Orleans (EUA), passando a mergulhar no universo da experimentação musical. O reconhecimento de seu trabalho nos dois primeiros discos, “Rotas” (2003) e “Uma outra qualquer por aí” (2011), rendeu à cantora indicações e prêmios no Troféu Caymmi de Música, Festival de Música da Rádio Educadora e Prêmio Braskem de Cultura e Arte, com reconhecimento da crítica especializada e de nomes como Tom Zé. O disco “Uma outra qualquer por aí” se destacou como um dos melhores do ano de 2011 pela revista especializada O Embrulhador e foi escolhido pelo crítico Daniel Achedjian para o site franco- português Tropicália MPB como o melhor disco do ano. Manuela já dividiu palco com artistas como João Bosco, Nação Zumbi, Lenine, Saulo Fernandes, Verônica Ferriani e Silvia Machete.

Além de ter a composição como um traço forte em sua carreira, Manuela também se destaca pela forte presença de palco em suas apresentações com grande força teatral. A cantora fez o Curso Livre de Teatro da UFBA, em 2004, que teve como resultado final a montagem “Boca de Ouro”, com direção de Paulo Cunha. Em 2018, foi convidada pelo diretor Márcio Meirelles para cantar e apresentar a cerimônia do Prêmio Braskem de Teatro no TCA.

Há 15 anos trabalha com preparação vocal para diversas montagens musicais da Bahia como As Noviças Rebeldes (Cia Baiana de Patifaria, dirigida por Wolf Maia), Os Cafajestes, Escândalo (Fernando Guerreiro), Irmã Dulce (Deolindo Checcucci), Milagre na Baia (Rita Assemany),

Em fevereiro de 2016 Manuela lançou “Se a canção mudasse tudo”, seu terceiro álbum autoral. O projeto foi selecionado para receber patrocínio do edital dedicado exclusivamente à música baiana do programa Natura Musical. Em 2018 completou 20 anos de carreira e apresentou o show “Ciclos”, no projeto Domingo no TCA.

Agenda

O que: Show “Grito” – Manuela Rodrigues

Quando: 03 de dezembro, às 20 horas

Onde: Sala do Coro do TCA

Endereço: Praça Dois de Julho, s/n – Campo Grande, Salvador – BA

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]