Salvador: Afrobalada promove encontros no Teatro SESC-SENAC Pelourinho

Banda Conexão Tambor faz um show com músicas do seu EP Sintonia Baiana.
Banda Conexão Tambor faz um show com músicas do seu EP Sintonia Baiana.
Banda Conexão Tambor faz um show com músicas do seu EP Sintonia Baiana.
Banda Conexão Tambor faz um show com músicas do seu EP Sintonia Baiana.

A música baiana é diversa e enriquece a cultura brasileira com a mistura de sons e vivências sociais. Assim, o projeto AFROBALADA vem promovendo o intercâmbio entre diferentes artistas e grupos musicais da Bahia, transformando a música em potência de transformação. Em nova temporada, o projeto traz mais uma edição no próximo sábado, 21 de novembro, às 19h, na Arena do Teatro SESC-SENAC Pelourinho, em Salvador.

A programação encabeçada pela banda Conexão Tambor, que faz um show com músicas do seu EP Sintonia Baiana, e ainda traz a participação de três cantoras que mostram a força da nova música popular da Bahia: Inaê, Thaise Maciel e Viviane Pitaya. As três apresentam suas canções autorais e, juntas ao Conexão Tambor, fazem covers de Sandra de Sá, Luedji Luna, Marisa Monte, entre outras. Inaê é cantora, atriz e performer e sua música Onda está entre as 50 que passaram na primeira etapa do 17º Festival de Música da Rádio Educadora. A cantautora Thaise Maciel lançou seu primeiro videoclipe Filha das Águas em novembro deste ano e Viviane Pitaya, cantora e compositora lançou o videoclipe da sua canção Andando Sozinha.

Quem também faz um show na edição de dezembro do projeto é o Encontro de Oris, formado pela percussionista e compositora Emillie Lapa e o músico e também compositor Elinaldo Nascimento (Elinas). Suas criações retratam o sagrado, a ancestralidade, além de temáticas negras contemporâneas, com o propósito de construir uma ponte entre África – terra mãe – e o Brasil. A abertura da noite é realizada pela rapper Preta Letrada (Carol Santos), 22 anos, MC, poeta, artista independente do bairro da Caixa D’Água que iniciou no rap em 2018.

Inspirado nos eventos internacionais Afropunk e nacionais como o Coala Festival e o Festival Sarará, o AFROBALADA traz para o verão de Salvador uma nova tendência de eventos, agregando a animação já conhecida da música baiana com muita representatividade, empoderamento e resistência social. O AFROBALADA segue até fevereiro de 2020, mensalmente, e sempre com novos convidados e participações especiais. Segundo Othon, vocalista da banda Conexão Tambor, “o objetivo é reunir pessoas que querem ouvir música, mas querem se sentir representadas, é falar de cultura, mas pensando as questões sociais das minorias”.

Agenda

O quê: AFROBALADA

Quando: 21 de dezembro, às 19 horas

Onde: Arena do Teatro SESC-SENAC Pelourinho

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111210 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]