Estados do Nordeste discutem ações para compras conjuntas de insumos e serviços para a Educação

Secretário estadual Jerônimo Rodrigues, ao lado de representantes da educação do Nordeste, debate compras conjuntas.

Secretário estadual Jerônimo Rodrigues, ao lado de representantes da educação do Nordeste, debate compras conjuntas.

Representantes das secretarias de Educação de seis estados da região Nordeste –  Bahia, Sergipe, Ceará, Rio Grande do Norte, Maranhão e Pernambuco – discutiram, nesta terça-feira (03/12/2019), no Instituto Anísio Teixeira (IAT), em Salvador, ações para a realização de compras conjuntas de insumos e serviços para a Educação. Estes e os demais estados nordestinos fazem parte da Câmara Técnica Permanente de Compras e Licitações do Conselho Nacional de Secretários de Educação (CONSED). A iniciativa também faz parte da agenda do Consórcio Nordeste, que reúne os governadores em torno de ações em comum para a região, e objetiva otimizar a aplicação de recurso público.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, falou da importância da iniciativa. “Nós temos uma outra agenda voltada para o campo pedagógico, mas hoje, aqui, com a participação da secretaria executiva do Consórcio, a nossa expectativa é de fechamento de uma proposta de compras públicas. Naturalmente que temos uma lista com diversas opções de equipamentos e sistemas de avaliação. O nosso foco é em torno de quatro produtos que possamos comprar conjuntamente, a exemplo de kit escolar, carteiras e ar-condicionado. Esta iniciativa vai envolver o corpo técnico dos nove estados, com profissionais qualificados que irão fortalecer a unidade da Educação no Nordeste”, afirmou.

A diretora geral da Secretaria da Educação do Estado, Talita Nobre, explicou sobre os encaminhamentos do encontro. “Nesta reunião retomamos as pautas que foram validadas e discutidas pelos secretários que fazem parte do Consórcio Nordeste para darmos encaminhamentos a esta construção de aquisição coletiva de itens para a Educação. Estamos fechando um cronograma de execução, discutindo alguns tópicos que precisarão ser validados pelos secretários, para que a gente possa fechar os termos de referência e publicar alguns editais. Esta é uma pauta muito estratégica para o Nordeste. A Educação ganha muito com esta discussão, que trará mais eficiência na aquisição de itens que beneficiarão a nossa rede”, destacou.

Para o representante da Secretaria da Educação de Pernambuco, Anselmo Carvalho, a iniciativa otimizará os gastos públicos.  “Os estados do Nordeste se uniram para realizar compras públicas uniformizadas e trazendo mais economia. Este é o nosso quarto encontro e tem sido muito proveitoso. O trabalho já avançou bastante e a expectativa agora é definir as últimas ações para, efetivamente, haver publicação do primeiro edital dessa compra uniformizada e, com isso, otimizar os gastos públicos e atingir melhores resultados na Educação”, comentou.

Publicidade

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Publicidade

Faça uma doação ao JGB

Perfil do Autor

Redação
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]