Cultura é destaque no encerramento de seminário sobre comunicação pública

Segundo dia do seminário 'Os desafios da comunicação nas administrações públicas' segue com mesas de debates. Na imagem, Maria Marighella, assessora especial da Secretaria de Cultura da Bahia, comenta sobre o setor.
Segundo dia do seminário 'Os desafios da comunicação nas administrações públicas' segue com mesas de debates. Na imagem, Maria Marighella, assessora especial da Secretaria de Cultura da Bahia, comenta sobre o setor.
Segundo dia do seminário 'Os desafios da comunicação nas administrações públicas' segue com mesas de debates. Na imagem, Maria Marighella, assessora especial da Secretaria de Cultura da Bahia, comenta sobre o setor.
Segundo dia do seminário ‘Os desafios da comunicação nas administrações públicas’ segue com mesas de debates. Na imagem, Maria Marighella, assessora especial da Secretaria de Cultura da Bahia, comenta sobre o setor.

‘A cultura para a emancipação humana’ foi o assunto debatido na mesa final do seminário ‘Os Desafios da Comunicação nas Administrações Públicas’, que chegou ao segundo e último dia, neste sábado (30/11/2019), no Hotel Real Classic, em Salvador. Esta parte final reuniu Maria Marighella, assessora especial da Secretaria da Cultura do Estado da Bahia (Secult); Ivana Bentes, professora da Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); e Célio Turino, ex-secretário de Cidadania Cultural do Ministério da Cultura. O editor e fundador do Canal 247, Mauro Lopes, foi responsável por mediar a troca de ideias entre o trio e o público.

Maria Mariguella destacou que discutir a comunicação neste momento atual é um dos maiores desafios. “Encerrar esse seminário com a dimensão da cultura é um grande acerto, pois é preciso encarar a problemática de uma comunicação efetiva, não somente na administração pública, mas em todos os aspectos. E isso se faz com união, com diversidade de pensamentos e vivências”, afirmou.

Ivana Bentes ressaltou que “a cultura é protagonista de uma série de transformações sociais. Há uma mídia gigantesca, inclusive nas políticas públicas. Nunca foi tão importante que quem está no campo público entenda como a cultura é propulsora dos debates mais relevantes para a sociedade, inclusive no campo da comunicação”.

Debates

Nesses dois dias, estiveram presentes no seminário secretários de comunicação, jornalistas e assessores de órgãos estaduais e municipais, bem como estudantes, comunicadores de movimentos sociais e interessados em política e administração pública. Dentre eles profissionais atuantes em cidades do interior da Bahia, como Conceição do Coité e Água Fria, e de outros estados, como o Ceará.

Um dos participantes foi o professor da Universidade Estadual do Ceará (UECE) Nelson Arruda. Para o acadêmico, “um evento como esse é de fundamental importância, pois é preciso cada vez mais discutir a comunicação pública, a nível federal, estadual e municipal”.

Promovido pelo Centro de Estudos de Mídia Barão de Itararé e apoiado pelo Governo do Estado, o evento teve a participação de nomes como o do escritor Fernando Morais, o diretor-geral do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (Irdeb), Flávio Gonçalves, e o secretário de Comunicação Social da Bahia, André Curvello.

Durante dois dias, profissionais debateram 'Os desafios da comunicação nas administrações públicas'.
Durante dois dias, profissionais debateram ‘Os desafios da comunicação nas administrações públicas’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114960 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.