Produção industrial da Bahia avança 4,3% em setembro de 2019 e lidera o país

Crescimento econômico do setor industrial da Bahia ganha destaque na economia nacional.Crescimento econômico do setor industrial da Bahia ganha destaque na economia nacional.
Crescimento econômico do setor industrial da Bahia ganha destaque na economia nacional.

Crescimento econômico do setor industrial da Bahia ganha destaque na economia nacional.

Em setembro de 2019, a produção industrial (de transformação e extrativa mineral) da Bahia, ajustada sazonalmente, avançou 4,3% frente ao mês imediatamente anterior, após crescer 0,9% em agosto. Este foi o maior crescimento dentre todos os 15 locais pesquisados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), através da Pesquisa Industrial Mensal (PIM), cujos dados foram sistematizados pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) nesta sexta-feira (08/11/2019).

“Tivemos o maior crescimento a nível nacional para este mês de setembro, superando todos os demais locais pesquisados, inclusive muito superior ao crescimento nacional, que ficou em apenas 0,3% nesta mesma comparação. Vale registrar que foram dois meses consecutivos de crescimento, o que sinaliza para uma importante recuperação do setor industrial da Bahia”, afirmou o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro. Ainda de acordo com Pinheiro, o destaque ficou por conta do setor de refino de petróleo, segmento com maior peso na indústria baiana, atribuído ao aumento das exportações, que só em setembro atingiu 157%.

Na comparação com igual mês de 2018, a indústria baiana assinalou queda de 1,4% e no acumulado do ano houve redução de 2,9% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]