Hospital da Mulher de Feira de Santana acolhe alunos do Programa de Residência Médica de Ginecologia e Obstetrícia

Hospital da Mulher de Feira de Santana oferece Programa de Residência Médica de Ginecologia e Obstetrícia.
Hospital da Mulher de Feira de Santana oferece Programa de Residência Médica de Ginecologia e Obstetrícia.
Hospital da Mulher de Feira de Santana oferece Programa de Residência Médica de Ginecologia e Obstetrícia.
Hospital da Mulher de Feira de Santana oferece Programa de Residência Médica de Ginecologia e Obstetrícia.

O novo modelo de gestão implementado pelo Governo do prefeito Colbert Martins Filho, através da Fundação Hospitalar de Feira de Santana, no Hospital Inácia Pinto dos Santos (Hospital da Mulher), tem sido referência para instituições de ensino na prática de estágios curriculares do Programa de Residência Médica.

O Hospital da Mulher conta, desde 2018, com o Programa de Residência Médica em Ginecologia e Obstetrícia. Credenciado através do Ministério da Educação (MEC), aos Conselhos Nacional e Regional de Medicina, o HIPS oferece estrutura física moderna, e equipe multiprofissional especializada no parto humanizado e método Cangurú.

O prefeito Colbert Martins Filho, médico por formação, observa que o programa de residência médica destaca-se, sobretudo, por habilitar futuros especialistas em ginecologia e obstetrícia de faculdades e universidades de Salvador e outros municípios da Bahia.

A presidente da Fundação Hospitalar de Feira de Santana, Gilberte Lucas, acrescenta que os residentes do Hospital da Mulher são acompanhados por uma Comissão da Residência Médica (COREME). “Esta comissão é coordenada pelos médicos Márcia D’Amaral e Francisco Mota, orientadores para formação de especialistas, com objetivo de consolidar conhecimentos teóricos, técnicos e práticos. Com a residência é possível aprimorar nas nossas unidades, como o CMPC e o Hospital da Mulher, conhecimentos relativos a anatomia e fisiologia feminina, diagnosticar patologias ginecológicas, coletar e avaliar corretamente os resultados de exames para prevenção do câncer de colo uterino”, elencou.

A presidente observa ainda que a Fundação Hospitalar possui um leque de atividades, em suas unidades, que permite a contribuição para a prática de estágios curriculares nas mais diversas áreas de formação de ensino superior das instituições conveniadas. “O Governo Municipal vem fazendo parcerias com as instituições de Ensino Superior e Técnico, mantendo assim em nossas unidades da saúde um número considerável de estagiários”, afirmou.

Ela acrescenta que “o HIPS tornou-se uma unidade de referência graças à alta qualidade do atendimento prestado à comunidade de Feira e região, além de atender a cerca de 80 municípios do estado, oferecendo campo de estágio e treinamento para alunos de sete instituições de ensino superior, cinco escolas do nível técnico e cinco instituições de ensino de pós-graduação conveniadas para a prática do estágio curricular”, concluiu.

Halana Costa, coordenadora da Educação Continuada do Hospital da Mulher, explica que a partir do 5º semestre os alunos realizam atividades práticas das disciplinas específicas de saúde da mulher e saúde da criança, com atuação no Centro Obstétrico de Alojamento Conjunto, Unidade de Leitos Intermediários e Unidade de Leitos-Método Canguru. O campo de estágio contempla alunos dos cursos: Medicina, Enfermagem, Fisioterapia, Farmácia, Fisioterapia, Biomedicina, Psicologia além dos Cursos Técnicos de Enfermagem.

Segundo a coordenadora, tanto o supervisor da instituição de ensino, quanto os alunos são orientados pela enfermeira da unidade específica do plantão. “Eles têm muito à contribuir com o nosso trabalho e com o equipamento público. Eles auxiliam na rotina, propõem melhorias, ofertam capacitações para a equipe e aproveitam a oportunidade para saírem daqui com experiência e prática do que foi estudado anteriormente na teoria dentro de sala de aula”, ressaltou Halana Costa.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109955 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]