Vice-presidente Hamilton Mourão ascende ao 32º grau da Maçonaria

Vice-presidente Hamilton Mourão ascendeu ao 32º grau do Rito Escocês Antigo e Aceito.

Vice-presidente Hamilton Mourão ascendeu ao 32º grau do Rito Escocês Antigo e Aceito.

Iniciado na Maçonaria em 1998 e filiado à loja República de França (326), jurisdicionada ao Grande Oriente do Rio Grande do Sul (GORGS) e federada ao Grande Oriente do Brasil (GOB), o vice-presidente da República Hamilton Mourão ascendeu ao 32º grau do Rito Escocês Antigo e Aceito. No sábado (05/10/2019), ele passou de Grande Inspetor a Sublime Príncipe do Real Segredo.

A Maçonaria e o Supremo Conselho

A Maçonaria é uma ordem iniciática, tradicional e universal, baseada na fraternidade. Ela constitui uma aliança de homens de boa moral, de todas as origens, nacionalidades, cultura e crenças. Os Maçons reúnem-se em Lojas, onde desenvolve a ritualista e os trabalhos maçônicos.

Considerado como um dos mais praticados rituais do mundo, Rito Escocês Antigo e Aceito, contém 33 graus. Os três primeiros são administrados pelas Grandes Lojas. Os restantes 30 graus (do 4º ao 33º Grau) são administrados pelo “Supremo Conselho do 33º”.

Todos os Supremos Conselhos regularmente constituídos no mundo trabalham “para a Glória do Grande Arquiteto do Universo.” A sua divisa é ‘Deus Meumque Jus’. Estas instituições são definidas pelos textos fundadores, pelas Constituições de Bordéus de 1762, pela Grande Constituição de Berlim de 1786 e revista no Convento Internacional do Supremos Conselhos reunidos em Lausana em 1875.

Cada Supremo Conselho tem a soberania plena no seu território, uma soberania plena e com total independência.

Os Supremos Conselhos não interferem na legislação e administração das Grandes Lojas, e governam exclusivamente as oficinas do 4º ao 33º grau.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]