Vereadores repercutem comemorações pelo Dia das Crianças em Feira de Santana

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Cadmiel Mascarenhas: está se aproximando do dia 12 de outubro, Dia das Crianças. Nosso país tem um número imenso de jovens, que não diferente, são crianças e adolescentes em vulnerabilidade social.
Cadmiel Mascarenhas: está se aproximando do dia 12 de outubro, Dia das Crianças. Nosso país tem um número imenso de jovens, que não diferente, são crianças e adolescentes em vulnerabilidade social.
Cadmiel Mascarenhas: está se aproximando do dia 12 de outubro, Dia das Crianças. Nosso país tem um número imenso de jovens, que não diferente, são crianças e adolescentes em vulnerabilidade social.
Cadmiel Mascarenhas: está se aproximando do dia 12 de outubro, Dia das Crianças. Nosso país tem um número imenso de jovens, que não diferente, são crianças e adolescentes em vulnerabilidade social.

Cadmiel pediu mais atenção para crianças e adolescentes

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta segunda-feira (07/10/2019), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Cadmiel Pereira (PSC) lembrou que se aproxima o Dia das Crianças e tratou da realidade das instituições que cuidam das crianças e adolescentes em Feira de Santana. O edil aproveitou para pedir que as pessoas ajudem as entidades existentes na cidade.

“Está se aproximando do dia 12 de outubro, Dia das Crianças. Nosso país tem um número imenso de jovens, que não diferente, são crianças e adolescentes em vulnerabilidade social. Elas ainda encontram dificuldade de garantias de direitos, ao ponto de que se não fosse a presença de entidades trabalhando por elas, teríamos uma calamidade pública”, pontuou Cadmiel.

E continuou. “Porém, estas entidades ainda encontram dificuldades em atender a demanda social e de desenvolver seus trabalhos. Graças a Deus ainda temos Igrejas que atuam neste sentido e realizam trabalhos importantes, além do trabalho realizado pela ONG Crescer Cidadão, Apae, Lar Mariano, Instituto Família Azul, Cromossomos 21 e mais, que trabalham com crianças e não têm como manter esses projetos, porque os recursos são poucos”, revelou.

Segundo o vereador, estas entidades feirenses recebem recursos do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente. “Por isso, à sociedade que faça doações voltadas para estas crianças, o que deduz no Imposto de Renda. Se fizermos isso, fica para o Fundo. Vejo que muitos contribuem para projetos de fora, como Criança Esperança, mas temos instituições na cidade que precisam de ajuda e apoio”, pediu.

Cadmiel informou mais que no dia 12 haverá uma grande festa promovida pela Igreja Assembleia de Deus e Orfanato Evangélico. “Esta festa acontece há muitos anos, onde caravanas trazem doações, mas precisamos avançar mais. Ontem foi publicado no site UOL uma matéria do Ballet Azul, onde um pai aprendeu a dançar ballet para dançar com suas filhas autistas. Isso partiu do Instituto Família Azul e mostra que não devemos dar atenção às crianças e adolescentes apenas no dia 12 de outubro. Estamos vendo cada dia mais crianças em sinaleiras pedindo ajuda, o que mostra que a economia está abalada, com muitos pais desempregados. Chegou a mim a informação de que crianças estão sendo alugadas por outros adultos para estarem em sinaleiras. O que está acontecendo? Se esta prática é ruim para adultos imagine para crianças, que ao invés de estarem nas escolas estão nas sinaleiras”, observou.

Para o edil é preciso lutar por melhores condições de vida das crianças e adolescentes. “ Precisamos lutar contra a exploração sexual infanto-juvenil, pela erradicação do trabalho infantil, pela melhor condição de vida deles. A ministra Damares Alves trouxe informações sobre o crescente número de crianças que são exploradas no país”, disse.

Em aparte, o vereador Edvaldo Lima (PP) ressaltou a importância do trabalho que era realizado pela Famfs. “Quando a Famfs estava em pleno funcionamento não víamos crianças nas ruas, agora está crescendo a cada dia. Peço que permitam a retomada dos trabalhos da Famfs”, pediu.

Para finalizar, Cadmiel lembrou de outras entidades que atuavam na assistência infantil. “Perdemos o trabalho que instituições como o Palácio do Menor fazia, por exemplo. Visitem as entidades que trabalham com crianças e adolescentes o ano todo e não apenas no dia12 de outubro”, findou.

José Menezes convida crianças para uma programação no dia 12 de outubro

O vereador Zé Filé (PROS) informou sua programação do final de semana em comemoração ao Dia das Crianças.

“Gostaria de convidar a comunidade do Feira X e adjacências para um bingo em homenagem ao Dia das Crianças. As cartelas são gratuitas e serão vários brindes, como celular, bicicleta, boneca, bola e mais. Estarei das 8 às 12 horas, ao lado da Feirinha e terá doces, salgados, picolés. É uma programação que já faço há muitos anos naquele bairro”, convidou Zé Filé.

E continuou. “À tarde estarei no bairro Nova Esperança, atrás do colégio. No domingo estarei na Pedra da Canoa, às 9 horas e convido a todos para estarem presentes. Haverá também a distribuição de brinquedos e salgados. Todos estão convidados. Vamos confraternizar e parabenizar todas as crianças pela passagem do Dia das Crianças. Infelizmente, não tenho como fazer em todos os lugares, então vou fazer aonde sempre fiz. Quero dizer que este ano não será diferente e espero a presença de todos. Vamos fazer uma programação do jeito que as crianças gostam. Será um final de semana diferente em prol das nossas crianças. Não tive isso, mas há 20 anos tenho a oportunidade de ofertar alguns brinquedos para essas crianças”, revelou.

Em aparte, o edil Luiz da Feira parabenizou o colega pelo discurso e lembrou que ele também realiza uma programação especial no Dia das Crianças. “Também vou fazer uma programação no bairro Tomba e no distrito de Bonfim de Feira. Espero a participação de muitas crianças”, afirmou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113755 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]