Vereador aborda Conselho Tutelar de Feira de Santana, policlínica, SAMU e feijoada beneficente

Cadmiel Mascarenhas: é importante que a sociedade conheça bem o trabalho destes profissionais. Eles são essenciais para garantir os direitos de crianças e adolescentes.
Cadmiel Mascarenhas: é importante que a sociedade conheça bem o trabalho destes profissionais. Eles são essenciais para garantir os direitos de crianças e adolescentes.
Cadmiel Mascarenhas: é importante que a sociedade conheça bem o trabalho destes profissionais. Eles são essenciais para garantir os direitos de crianças e adolescentes.
Cadmiel Mascarenhas: é importante que a sociedade conheça bem o trabalho destes profissionais. Eles são essenciais para garantir os direitos de crianças e adolescentes.

Em pronunciamento, na sessão ordinária desta segunda-feira (30/09/2019), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o edil Cadmiel Pereira (PSC) tratou sobre a eleição para conselheiro tutelar, instalação de policlínica no KM 7, inauguração de base do SAMU e feijoada beneficente.

“No próximo domingo haverá eleição para conselheiros tutelares e é importante que a sociedade conheça bem o trabalho destes profissionais. Eles são essenciais para garantir os direitos de crianças e adolescentes. Temos quatro conselhos tutelares na cidade, com cinco conselheiros cada, que caminham junto com programas de saúde e educação. Eles garantem os direitos e interferem quando estes são violados. Violência e abuso trazem transtornos; as crianças e adolescentes passam a vida toda tentando tirar essa dor da alma. Infelizmente, às vezes, quem deve cuidar são os que praticam os crimes”, pontuou Cadmiel.

E continuou. “Já há um grupo de conselheiros visitando escolas, orientando os alunos, levando mais conhecimento sobre o papel do Conselho Tutelar e a função do conselheiro. Peço aos feirenses que busquem mais informações sobre este equipamento, que professores acompanhem e divulguem” pediu.

SAMU

Cadmiel tratou mais sobre a inauguração de uma base do SAMU na região norte da cidade. “Sabemos que o deslocamento em horário de pico traz um transtorno grande, ainda que seja uma ambulância, por isso a importância da instalação de bases do SAMU em regiões da cidade, isso gera garantia de vidas. Parabéns por essa atitude e vamos solicitar que esta base descentralizada também chegue na região sul”, ressaltou.

Policlínica

Ainda no uso da tribuna, Cadmiel voltou a solicitar a instalação de uma policlínica 24 horas no KM 7. “Já havia explanado a necessidade de uma policlínica 24 horas no KM 7, pois depois das 18 horas a dificuldade de deslocamento dos distritos e localidades vizinhas para Feira de Santana fica muito difícil e com a construção da policlínica, o tempo e resposta de socorro pode salvar vidas. O HGCA é de qualidade e excelência, mas não tem como atender todos os casos de emergência das 126 cidades. Vale lembrar que os números de maca e leito não são suficientes para atender às emergências”, afirmou.

Feijoada

Para finalizar, o edil falou sobre a realização da II Feijoada beneficente do Instituto Família Azul. “A cada dia mais crianças são diagnosticadas com o transtorno espectro autista. São mais de 2500 crianças matriculadas em escolas públicas municipais e sabemos que a cidade não tem capacitação para cuidar delas. São diversos tipos de deficiência e precisamos de técnicas aprimoradas para cuidar delas. Estamos requerendo do Município uma capacitação para os profissionais que atuam junto aos autistas para que elas sejam inseridas, inclusive em sala de aula. Educação é prioridade em nosso país, pois é a única responsável pelo avanço da nossa sociedade”, findou.

Cadmiel Pereira aborda II Feijoada Beneficente da Família Azul

A II Feijoada Beneficente da Família Azul, evento que reuniu familiares de crianças com Transtornos do Espectro Autista (TEA) e filantrópicos sensíveis a causa. Durante a sessão ordinária desta segunda-feira,30, o vereador Cadmiel Pereira (PSC) usou seu tempo na tribuna da Câmara Municipal para repercutir a festa.

De acordo com o edil, o intuito da Feijoada Beneficente foi arrecadar recursos para ajudar financeiramente as famílias com crianças autistas. “Sabemos que uma consulta com um neuropediatra ou um fonoaudiólogo pelo SUS é muito difícil, então a Família Azul realiza eventos como esses para auxiliar as crianças. “O evento foi lindo, as bandas que tocaram não cobraram cachê, ajudaram de coração. Obrigado a todos que contribuíram e apoiaram essa causa”, agradeceu.

Ainda na tribuna, Cadmiel saudou os estudantes que ocupavam a galeria da Casa e se solidarizou com a manifestação. “Sei que estão em busca dos seus direitos. Vamos achar a melhor maneira de resolver este problema”, finalizou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109967 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]