Republicana Web Rádio produz ‘fake news’ atacando políticos de esquerda e centro-esquerda da Bahia, ao associar com desastre socioambiental decorrente de derramamento de óleo em alto-mar, diz fonte

Republicana Web Rádio é denunciada por fonte, em decorrência da divulgação de notícia falsa (fake news), cuja finalidade é atacar políticos de esquerda e centro-esquerda da Bahia.Republicana Web Rádio é denunciada por fonte, em decorrência da divulgação de notícia falsa (fake news), cuja finalidade é atacar políticos de esquerda e centro-esquerda da Bahia.


Republicana Web Rádio é denunciada por fonte, em decorrência da divulgação de notícia falsa (fake news), cuja finalidade é atacar políticos de esquerda e centro-esquerda da Bahia.

Republicana Web Rádio é denunciada por fonte, em decorrência da divulgação de notícia falsa (fake news), cuja finalidade é atacar políticos de esquerda e centro-esquerda da Bahia.

Fonte do Jornal Grande Bahia (JGB) encaminhou neste domingo (13/10/2019) texto, vídeo e banner divulgados pela Republicana Web Rádio (https://www.facebook.com/RepublicanaWebRadio/), demonstrando ataque, com base em notícia falsa (fake news), contra os políticos de esquerda e centro-esquerda da Bahia e isentando o Governo Bolsonaro da responsabilidade pela contenção do maior desastre ambiental do Brasil, em termos de extensão territorial.

“É uma manipulação do discurso grosseira. Primeiro, o derramamento ocorreu em alto-mar, em zona de jurisdição da União e não há competência dos estados nordestinos para atuar neste território. Segundo, pela extensão territorial do dano, que afeta diferentes Estados, a jurisdição pelas ações passa a ser do Governo Bolsonaro”, alertou a fonte, que completou, “há evidente omissão do presidente Jair Bolsonaro, ao não ordenar a contenção e retirada do óleo derramado em alto-mar, fato que poderia mitigar o grave dano socioambiental”.

A fonte alertou, também, que a manipulação da Republicana Web Rádio é sordidamente grosseira porque associa, através do uso de imagens, os políticos que representam a Bahia, Rui Costa (PT), governador e os senadores Jaques Wagner (PT), Otto Alencar (PSD) e Angelo Coronel (PSD) ao desastre ambiental que afetou a costa marítima do Nordeste.

A publicação da Republicana Web Rádio, com título ‘“Ecologistas” de ocasião ignoram tragédia em praia do nordeste ao saber que culpa não é de Bolsonaro’, ocorreu na sexta-feira (11/10/209).

O caso

As praias dos estados do Nordeste foram degradadas pela contaminação do derramamento de petróleo em alto-mar. Nas primeiras semanas de outubro de 2019, o desastre socioambiental alcançou a zona costeira do Nordeste.

Acusado pelo presidente de extrema-direita Jair Bolsonaro (PSL-RJ), o Governo da Venezuela negou responsabilidade sobre o episódio.

Observa-se, por fim, que o Governo Bolsonaro não foi capaz de comprovar a origem e identificar os responsáveis pela contaminação ambiental, além de ter sido omisso ao não adotar medidas que mitigassem o desastre.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Carlos Augusto
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).