Feira de Santana: Formação discute participação do conselho escolar na construção do PPP

Formação discute Planos Político Pedagógicos.
Formação discute Planos Político Pedagógicos.
Formação discute Planos Político Pedagógicos.
Formação discute Planos Político Pedagógicos.

A coletividade foi um elemento importante abordado em todos os cinco encontros do Grupo de Gestão e Mediação da Secretaria Municipal de Educação com as gestoras das escolas, voltados para a elaboração, revisão e/ou implementação dos Planos Político-Pedagógicos, PPP, das unidades de ensino. O sexto encontro, realizado nesta quinta-feira (24/10/2019), teve como tema a participação do conselho escolar neste processo de construção.

Os conselhos escolares são formados por representantes dos funcionários da unidade escolar, professores, alunos, pais ou responsáveis e pela gestão da escola. Cada uma dessas instituições públicas deve estabelecer regras transparentes e democráticas de eleição dos membros do conselho. Cabe ao mesmo zelar pela manutenção da escola e monitorar as ações de seus dirigentes, a fim de assegurar a qualidade do ensino. Seu exercício é fundamental para a gestão democrática das escolas públicas.

Já o PPP funciona como um guia para as ações a serem desenvolvidas na escola. Nele são encontrados metas e métodos para que a instituição de ensino consiga atingir os objetivos a que se propõe. Esse documento tem elaboração anual obrigatória pela legislação, de acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional.

Neste encontro, integrantes do conselho da Escola Municipal Regina Vital, do Bairro Campo Limpo, trouxeram relatos de suas experiências para enriquecer o debate. Estantes, brinquedos e mais verduras na sopa foram algumas das sugestões que Taissa Gomes, aluna da unidade de ensino e representante do segmento no conselho, ouviu de seus colegas e levou para as reuniões.

Sua mãe, Iraildes José Maria Sena, também integra o grupo. Ela contou que sua experiência no conselho foi algo que se agregou ao hábito de acompanhar sua filha na escola, por que, assim, pode ouvir demandas de outras mães e trazê-las também aos debates, a fim de melhorar a qualidade da experiência educacional para todos.

Indaiara Sant’Anna, diretora da escola, pontua que a ação conjunta deste grupo é uma forma de descentralização do poder na realidade escolar. “Isso nos permite acompanhar todo o processo da unidade escolar, de pequenas a grandes ações, com a ajuda de todos que compõem esse conselho”. Luciene Espírito Santo Sant’Anna Pontes, coordenadora pedagógica da Regina Vital, também acompanhou o grupo.

“É importante essa participação do conselho por que ele traz representantes de todos os segmentos da comunidade escolar. Isso significa que todos serão ouvidos e participantes na elaboração, implementação e posteriormente de avaliação do PPP das ações proposta por ele, e ambos, conselho e PPP, são essenciais na construção de uma gestão democrática”, afirma Geórgia Kaline Matos, coordenadora do Grupo de Gestão e Mediação.

O Grupo de Gestão e Mediação da Seduc é composto pelas professoras Rosana Falcão, Alexsandra Soares, Giovana Marget, Geórgia Kaline Matos e Fátima Suely – nele, todas atuam como coordenadoras. São elas quem ministram as palestras e organizam os encontros para debater o PPP com as gestoras das escolas. “Conselho escolar e PPP: dispositivos para implementação da gestão democrática” foi o tema geral escolhido.

Além delas, Rejane Brito Barbosa, coordenadora dos programas federais do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação, FNDE, na Seduc, também participou da conversa.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 106739 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]