Massoterapia, Frutíferas e plantas ornamentais integram a 44ª Exposição Agropecuária de Feira de Santana

Grupo de massoterapeuta está oferecendo seus serviços para resolver, por meio de massagens e outras intervenções, problemas de dor de quem visita o Parque de Exposição João Martins da Silva.
Grupo de massoterapeuta está oferecendo seus serviços para resolver, por meio de massagens e outras intervenções, problemas de dor de quem visita o Parque de Exposição João Martins da Silva.
Grupo de massoterapeuta está oferecendo seus serviços para resolver, por meio de massagens e outras intervenções, problemas de dor de quem visita o Parque de Exposição João Martins da Silva.
Grupo de massoterapeuta está oferecendo seus serviços para resolver, por meio de massagens e outras intervenções, problemas de dor de quem visita o Parque de Exposição João Martins da Silva.

Um grupo de massoterapeuta está oferecendo seus serviços para resolver, por meio de massagens e outras intervenções, problemas de dor de quem visita o Parque de Exposição João Martins da Silva.

A massoterapia consiste em uma série de técnicas milenares de massagem que ajudam a aliviar a dor muscular, combater o estresse, estimular a circulação sanguínea e prevenir diversas doenças.

O relaxante serviço está sendo oferecido a preço simbólico: R$ 1 a hora. O estande fica próximo ao local onde os leilões são realizados. A frequência no primeiro dia, dizem, as surpreendeu. Homens são os que mais procuraram o atendimento.

“Geralmente as pessoas chegam aqui tensas e não ficam apenas um minuto, mas vários. Uma delas passou 20 minutos”, disse a massoterapeuta Brenda Valeska. Um dos benefícios é a sensação de bem-estar.

Mas nem todos podem receber a massagem relaxante. Não é recomendada às pessoas cujos índices glicêmicos e a pressão arterial sejam descompensadas. Não é indicada para quem tem câncer ou enfrentou uma trombose.

Além das mãos treinadas que procuram os pontos de dor, são usados equipamentos mecânicos, como a ventosa, para oferecer alívio. O serviço está sendo oferecido pela primeira vez no Parque de Exposição.

Frutíferas e plantas ornamentais fazem sucesso no Caminho da Roça

Uma variedade de plantas ornamentais e árvores frutíferas estão à venda no espaço Caminho da Roça, na 44ª Expofeira (Exposição Agropecuária de Feira de Santana). Nas contas de seu Antônio de Melo, um dos quatro comerciantes deste segmento presentes à mostra agropecuária, são mais de trinta espécies. “Juntando as mudas dá um bom número. A variedade é grande”, diz.

Orquídeas, rosas do deserto, palmeiras, lágrima de cristo, suculentas, samambaia e maranta estão entre as espécies de plantas que se misturam a mudas de jabuticaba, morango, cajueiro, coqueiro, noz moscada, cajarana, entre tantas outras. Os preços são variados.

“Temos mudas de jabuticaba de R$ 80 e R$ 100, como temos roseiras de R$ 5. O dinheiro em penca está custando R$ 15. E a rosa do deserto com flor dupla sai a R$ 300”, cita.

De operário de uma grande empresa e jardineiro, no Estado de São Paulo, onde aprendeu o ofício, a vaqueiro em terras baianas, seu Antônio há dois anos se dedica ao cultivo e a comercialização de plantas com o incentivo do projeto Feira Produtiva, cuja iniciativa é viabilizada pela Prefeitura.

Ele conta que sua pequena propriedade está localizada na comunidade Candeal, na Mantiba, onde há aproximadamente quatro mil mudas. “Há alguns anos participo da Expofeira. É uma oportunidade para divulgar o meu trabalho e vender”, revela seu Antônio ao comemorar o sucesso de vendas do primeiro dia.

“O domingo foi excelente. Hoje (segunda-feira) já não vendi. Mas, sei que é assim mesmo. No meio da semana em diante, as vendas vão melhorar”, afirma confiante.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115124 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.