Malê Debalê faz apresentação gratuita na abertura da 3ª edição do Encontro Periférico de Artes em Salvador

O bloco afro Male Debalê fará show gratuito na abertura da 3ª edição do EPA.

O bloco afro Male Debalê fará show gratuito na abertura da 3ª edição do EPA.

O bloco afro Male Debalê fará show gratuito na abertura da 3ª edição do EPA! Encontro Periférico de Artes, que vai acontece nesta quarta-feira (02/09/2019), quarta-feira, no Teatro Gregório de Mattos, a partir das 19h. Os ingressos estarão disponíveis a partir das 17h na bilheteria do teatro no dia da apresentação.

Na noite de abertura o público também vai contar também com apresentação da Cia Baile e Mr Armeng. “Toda programação foi desenhada e costurada pensando na perspectiva da ancestralidade. A ancestralidade pode ter diversos caminhos, pautada no passado, presente e futuro. Então toda programação tem algo relacionado a essa temporalidade: a gente aprende com os mais velhos, estamos no presente, mas aprendemos com o futuro”, explicou Inah Irenam, produtora cultural da ExperimentandoNus.

O EPA valoriza a arte negra e da periferia. O encontro reúne diversas linguagens artísticas, como dança, oficinas, debates, exposições, performances, literatura, audiovisual.

Batalha do Pagode

Um dos momentos mais esperado é a Batalha do Pagode, que será realizada nos dias 06 de outubro de 2019, no Teatro Gregório de Mattos, às 14 horas. A competição vai reunir os 24 selecionados.

Espetáculos

A programação também conta com apresentações de artistas de outros estados, como Zé Viana Junior (CE), com o CorpoCatimbó; O espetáculo:  No Bambo da Cia Balé Baião do (CE), Joãozinho da Gomeia, com a apresentação; “De filho do tempo a Rei do Candomblé”, KarmaCírculus Cia de Teatro (RJ).

“Nesta edição do EPA! Encontro Periférico de Artes é de encantamento e olhares para os nosso povo preto. Nossas artes negras e de periferia tem histórias, do mais velho ao mais novo. Uma celebração de expansão política e festiva com várias linguagens artísticas dialogando com as periferias e artes negras da Bahia, Rio de Janeiro e Ceará”, diretor e coreógrafo Bruno de Jesus.

Oficinas

Além das performances que contam a história afro-brasileira, o EPA realiza diversas oficinas, que também são gratuitas. São atividades de stencil, que visa a técnica de cortes com estilete; oficinas literárias; oficinas de percussão corporal, oficina de dança, entre outras.

Para participar das oficinas não é necessário realizar inscrições prévias. Basta apenas ir ao local em uma das datas e fazer parte de uma das atividades disponíveis.

O Encontro Periférico de Artes – EPA! tem apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda, Fundação Cultural do Estado da Bahia e Secretaria de Cultura da Bahia.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]