IPAC reúne atividades gratuitas durante 13ª Primavera dos Museus na Bahia

Programação para 13ª Primavera dos Museus na Bahia é lançada.Programação para 13ª Primavera dos Museus na Bahia é lançada.
Programação para 13ª Primavera dos Museus na Bahia é lançada.

Programação para 13ª Primavera dos Museus na Bahia é lançada.

Uma extensa programação marca a 13ª edição da Primavera dos Museus administrados pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac/Ba), órgão vinculado à Secretaria de Cultura do Estado (Secult/BA). Até o domingo (29/09/2019) o Instituto oferece em seus espaços culturais atrações especiais e gratuitas ligadas ao tema: “Um olhar por dentro dos museus”.

As visitas possibilitam que o público conheça o funcionamento dos museus e o papel exercido pelo seu corpo técnico e administrativo. Nos museus Ipac localizados no Pelourinho, por exemplo, os visitantes são convidados a participar do roteiro de visitação que conta uma explicação sobre as atividades desenvolvidas nas instituições museológicas. Na oportunidade, há exibição dos curtas-metragens “Nos Bastidores dos Museus” que foram produzidos especialmente para a semana, pelo Laboratório de Educação Digital (LabDimus).

Além disso, os espaços do Pelô também programaram atividades diferenciadas para a semana. O Museu Udo Knoff de Azulejaria e Cerâmica traz uma série de  palestras e exposições que dialogam com as técnicas e trabalhos em cerâmica, a exemplo da exposição de cerâmica contemporânea “Abstrações Primaveris”; e a palestra “Azulejos que contam a história da cidade: O passado está presente”. No Centro Cultural Solar Ferrão, destaque para o 3º Festival de Aquarela “Traduzindo Sonhos”, com 61 trabalhos de 31 aquarelistas. Já no Museu Tempostal, a programação conta com a visitação mediada especial “Da reserva técnica à exposição – medidas de preservação”.

No Palacete das Artes, acontece a 11ª Mostra de Orquídeas e Bonsai, nos dias 27, 28 e 29/09. Lá os visitantes podem prestigiar mais de seis mil orquídeas de espécies híbrida e nativa, além de cerca de 200 espécies de bonsai, sempre das 9h às 20h. Ainda no encontro, em parceria com o Círculo Baiano de Orquidofilia e Centro de Excelência em Bonsai, o público tem a oportunidade de participar das oficinas gratuitas sobre cultivo de orquídeas e bonsai (às 10h e 15h). Em paralelo, está à disposição de visitantes, na Sala Contemporânea do Palacete, a exposição “O Gênio dos gênios: Leonardo Da Vinci”, de Thales de Azevedo Filho; Exposição OJÚ, de Ronald Borges Jr., na Galeria Mansarda; Exposição Bahia Cores e Encantos, no primeiro pavimento; e a Exposição Carlos Augusto de Oliveira – Um pintor popular da Bahia, no segundo pavimento.

Durante a semana, o núcleo educativo do Museu de Arte da Bahia (MAB) também está realizando diversas visitas técnicas aos setores que colaboram para o funcionamento estrutural e organizacional do museu. O roteiro de visitas é voltado para os setores técnicos que compõem a área museal, como o Administrativo, Laboratório de Ideias, Auditório, Comunicação, Museologia, Núcleo de Educação, Biblioteca, Conservação e Pesquisa. As visitas podem ser realizadas até a sexta (27), para grupos de 15 pessoas, no horário das 15h às 16h. O Museu de Arte Moderna da Bahia (MAM), por sua vez, além das visitas guiadas, apresenta a exposição de Ana Elisa Egreja, em “Fabulações” (Casarão); e a exposição de fotografias de Akira Cravo e Pico Garcez, convidando os jovens Vinícius Sapucaia e Renan Benedito (Capela).

Para aqueles que moram no interior, o Parque Histórico Castro Alves (PHCA), em Cabaceiras de Paraguaçu – onde nasceu o poeta –, conta com diversas ações educativas em sua programação, com visitas mediadas para que o público conheça a estrutura física do parque, com discussão sobre a importância de melhor conhecer, preservar e compartilhar memórias. Há também, até sexta (27), uma oficina de pintura sobre tela para crianças com a psicopedagoga Karina Machado. Em Santo Amaro, no Museu do Recolhimento dos Humildes, os visitantes podem conhecer mais sobre a trajetória de Castro Alves com a exposição “Na Trilha do Poeta”, que apresenta sua obra, seus amores e admiradores. Outro atrativo é a exposição fotográfica e mostra de vídeos “Memórias do Mar”, resultantes do curso que buscou infundir em estudantes da educação básica conceitos ligados à difusão do patrimônio marítimo da Baia de Todos os Santos. As mostras estão à disposição do público até o domingo  (29).

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]