Procuradores da República reagem a nome indicado pelo senador Flávio Bolsonaro para comandar PGR

Vista da sede da Procuradoria-Geral da República (PGR), em Brasília.
Vista da sede da Procuradoria-Geral da República (PGR), em Brasília.
Vista da sede da Procuradoria-Geral da República (PGR), em Brasília.
Vista da sede da Procuradoria-Geral da República (PGR), em Brasília.

A divulgação de notícias sobre a possibilidade de que o subprocurador Antônio Carlos Simões Soares possa ser indicado para o cargo chefe do Ministério Público Federal (MPF) está provocando um forte clima de insatisfação entre procuradores. Integrantes do MPF ouvidos pelo GLOBO nesta segunda-feira sustentam Soares não teria condições de chefiar o MPF num momento tão complicado do país.

Segundo esses procuradores, Soares está a apenas dois anos em Brasília como subprocurador-geral, nunca comandou uma grande investigação e permanece desconhecido entre boa parte dos colegas de instituição.

Subprocuradores e procuradores estão incomodados com a participação do senador Flavio Bolsonaro (PSL-RJ) no processo de escolha do futuro procurador-geral. O advogado do senador teria sido um dos responsáveis pela indicação de Soares. Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flavio Bolsonaro, é alvo de uma investigação do Ministério Público do Rio sobre supostas fraudes no gabinete do parlamentar.
Soares, que já cursou a Escola Superior de Guerra, instituição de estudos ligada ao Ministério da Defesa, já esteve com Bolsonaro.

*Com informações de Jailton de Carvalho, do Jornal O Globo.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112865 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]