Em almoço com ministro Dias Toffoli, senadores de PL, DEM e PSC manifestam apoio a presidente do STF; Membros da força-tarefa do Caso Lava Jato e extremistas de direita atacaram dignidade da Corte de Justiça

Ministro Dias Toffoli, presidente do STF.Senadores declaram apoio ao ministro Dias Toffoli, presidente do STF.
Ministro Dias Toffoli, presidente do STF.

Senadores declaram apoio ao ministro Dias Toffoli, presidente do STF.

Em meio a um pedido de impeachment contra o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, senadores do bloco que reúne PL, DEM e PSC no Senado receberam o ministro em um almoço nesta terça-feira, 13. Na ocasião, de acordo com o líder do grupo, Wellington Fagundes (PL-MT), os parlamentares manifestaram apoio a Toffoli.

“Este momento entendemos que não é de buscar atrito. É momento que a gente tem que trazer o entendimento e principalmente o diálogo”, comentou Fagundes após o almoço com Toffoli. De acordo com o senadores, os parlamentares presentes no almoço manifestaram amplo apoio ao ministro.

Além de parlamentares do bloco, a presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), Simone Tebet (MDB-MS), e os senadores Elmano Férrer (Pode-PI), Angelo Coronel (PSD-BA) e Antonio Anastasia (PSDB-MG) estiveram no encontro.

Lava Jato. De acordo com o relator de Fagundes, o presidente do Supremo fez referência à manutenção de um processo disciplinar contra o coordenador da Lava Jato no Ministério Público Federal (MPF) do Paraná, Deltan Dallagnol. Toffoli teria defendido que todos os poderes precisam de um “freio de arrumação” – termo usado pelo parlamentar. “O que ele colocou muito claro é que a Lava Jato não pode ser uma instituição”, comentou o líder do bloco.

*Com informações de Daniel Weterman, do Broadcast de Política do Estadão.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]