Trabalho de agentes comunitários rurais é oportunidade de permanência dos jovens em suas comunidades da Bahia

460 jovens rurais atuam como Agentes Comunitários Rurais e Agentes Comunitários em Apicultura e Meliponicultura, do projeto Bahia Produtiva.
460 jovens rurais atuam como Agentes Comunitários Rurais e Agentes Comunitários em Apicultura e Meliponicultura, do projeto Bahia Produtiva.
460 jovens rurais atuam como Agentes Comunitários Rurais e Agentes Comunitários em Apicultura e Meliponicultura, do projeto Bahia Produtiva.
460 jovens rurais atuam como Agentes Comunitários Rurais e Agentes Comunitários em Apicultura e Meliponicultura, do projeto Bahia Produtiva.

A conquista do emprego, aliada ao sonho de trabalhar no local onde nasceu e vive, é uma realidade, atualmente, para 460 jovens rurais que atuam como Agentes Comunitários Rurais (ACRs) e Agentes Comunitários em Apicultura e Meliponicultura (ACAs), do projeto Bahia Produtiva.  Os jovens exercem a função de agentes multiplicadores do serviço de assistência

O Bahia Produtiva é um projeto executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), a partir de um acordo de empréstimo com o Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD), e financia projetos de inclusão produtiva e acesso a mercados, socioambientais, de abastecimento de água e esgotamento sanitário, de interesse das comunidades rurais baianas.

Os ACRs e ACAs também prestam assessoria comunitária, com atribuições que incluem o apoio a serviços administrativos das associações ou cooperativas e mobilização social da comunidade.  Os jovens passam por um processo de capacitação realizado por uma equipe multidisciplinar, que promove atividades coletivas e individuas, em temas apropriados aos investimentos do projeto, mantendo uma relação de supervisão e acompanhamento dos jovens contratados via convênios com os empreendimentos selecionados.

O ACR Leandro da Cruz, de Ituberá, atende as comunidades de Pina, Lagoa Santa, Matinha, Baixa Alegre e Pedreiras e presta assistência a 30 famílias que trabalham com artesanato e biojoias de piaçava. O jovem estava desempregado quando se inscreveu para a seleção do Bahia Produtiva, conseguiu o trabalho de assistente comunitário e, hoje, ajuda as famílias da região a produzirem melhor seus artesanatos.

Para Leandro é uma satisfação poder contribuir para o desenvolvimento do seu município: “Fico muito grato em poder ajudar na mudança de renda dessas famílias, que com a assistência técnica estão vendendo mais”.

O jovem ACR Diogo Viana trabalha com comunidades do município de Belo Campo, com a produção de galinhas e ovos 100% caipiras e com a qualificação de produtos derivado da mandioca, feitos na agroindústria instalada pelo projeto: “Sou a resposta de uma das finalidades da contratação de um jovem da comunidade para exercer essa função, que é a permanência do jovem do campo, no próprio campo, em seu local de origem. Não são 43 beneficiários na associação, são 44, pois eu sou um deles. Fui contratado para executar demandas, porém, junto com elas vieram muito aprendizado e conhecimento adquirido nas capacitações e experiência prática. É uma bagagem que levarei para vida”.

Leandro e Diogo são exemplos de jovens contratados para prestar atendimento às comunidades rurais de seus respectivos municípios, com afinidade com as cadeias produtivas do Bahia Produtiva. O coordenador de ATER do Bahia Produtiva, Wecslei Ferraz, destaca a importância do trabalho dos jovens: “Eles ofertam ATER aos beneficiários do projeto, de modo a aumentar a chance de obterem sucesso em sua atividade produtiva. Para nós, é extremamente relevante o acompanhamento das famílias e das propriedades para o sucesso de nossas ações”.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116717 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.