Feira de Santana: Técnicos são capacitados a fazer Guia de Visita durante Programa Primeira Infância no Sistema Único de Assistência Social

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Capacitação de profissionais do programa Primeira Infância SUAS na Bahia.
Capacitação de profissionais do programa Primeira Infância SUAS na Bahia.
Capacitação de profissionais do programa Primeira Infância SUAS na Bahia.
Capacitação de profissionais do programa Primeira Infância SUAS na Bahia.

Os mais de 370 municípios baianos que contam com o Programa Primeira Infância no Sistema Único de Assistência Social (SUAS) estão sendo advertidos para um problema sério: nenhum deles cumpre uma fundamental obrigação, a elaboração do Guia de Visita, podendo comprometer a sua avaliação e certificação pelo Governo Federal, responsável pelo financiamento desta importante política pública social.

A advertência é do técnico referência do Primeira Infância SUAS na Bahia, o pedagogo Péricles Mendes. Ele está em Feira de Santana para participar de capacitação de profissionais do programa que atuam aqui e em outros cerca de 70 municípios, de diversos territórios do Estado. O prefeito Colbert Martins Filho determinou ao secretário de Desenvolvimento Social, Pablo Roberto, que dê “todo o apoio possível” ao evento e seus participantes.

A capacitação está sendo realizada desde segunda-feira, 8, e vai até o dia 16. O pessoal está se reunindo até o dia 12 na Faculdade Uninassau; nos dias 13 e 14, na sede da Secretaria de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos; e nos dias 15 e 16, na Igreja do Avivamento Bíblico.

O Primeira Infância no SUAS é um programa que integra um outro, mais amplo, denominado Criança Feliz. Faz parte da rede de proteção básica da população infantil. Seu público alvo são as crianças de famílias que recebem o Bolsa Família ou o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Na Bahia, é executado pelos municípios sob a coordenação da Superintendência de Assistência Social, órgão da Secretaria Estadual de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social.

Primeira Infância no SUAS está dentro do Criança Feliz é o programa federal, no âmbito do SUAS. Está dentro da proteção básica. Financiamento é federal. Municípios prestam conta. Tem nichos da saúde e da educação. Superintendência de Assistência Social vinculada a Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social.

O objetivo é assistir às crianças na faixa etária de 0 a 6 anos, buscando garantir que se desenvolvam sob a atenção da família. O Guia de Visita é a parte teórica do trabalho. Um documento que trata das funções do supervisor e do visitador, da importância do programa nos CRAS e da estratégia de ação. “Infelizmente, é um módulo fundamental que nunca foi feito, verdadeira bíblia de quem está nesse trabalho”, afirma Mendes.

 Módulo Cuidado para o Desenvolvimento da Criança é outra prioridade

A capacitação para os técnicos do Primeira Infância no SUAS, que acontece em Feira de Santana, também está chamando a atenção deles para um outro módulo fundamental do trabalho, além do Guia de Visita. É o CDC (Cuidado para o Desenvolvimento da Criança). Trata-se da parte prática do programa, que aborda como fazer para atingir os melhores resultados no desenvolvimento das crianças assistidas (os vínculos com os pais, a parte cognitiva, a importância dos brinquedos). “Precisamos atentar os profissionais atuantes do programa para esses cuidados todos”, diz Péricles Mendes.

Já o coordenador estadual da Proteção Social Básica, Maurício Bodnachuk, ressaltou o foco do programa, de fortalecer vínculos de cuidadores e crianças e o desenvolvimento infantil. “Além disso, temos como objetivo o fortalecimento do SUAS (Sistema Único de Assistência Social)”, afirmou.

Feira conta com 100 visitadores domiciliares

A Secretaria de Desenvolvimento Social coordena o Primeira Infância no SUAS, em Feira de Santana. O município conta com um grupo de 100 visitadores. São pessoas com ensino de nível médio que comparecem in loco nos domicílios, para aplicar o programa. Cada equipe é dirigida por um supervisor (psicólogo, pedagogo ou assistente social). A cidade possui sete supervisores e um coordenador geral.

Durante a abertura do evento, no auditorio da Uninassau, o secretário de Desenvolvimento Social (SEDESO) de Feira de Santana, Pablo Roberto, falou da importância da iniciativa e o compromisso do Governo do prefeito Colbert Martins Filho com a assistência social, colocando a administração municipal à disposição para a capacitação.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113791 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]