Com investimento de R$ 24,5 milhões, é inaugurado Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana; Renato Teixeira apresentou show de abertura

Carlos Boulhosa Baqueiro discursa durante solenidade de inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Carlos Boulhosa Baqueiro discursa durante solenidade de inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Carlos Boulhosa Baqueiro discursa durante solenidade de inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Carlos Boulhosa Baqueiro discursa durante solenidade de inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia (Fecomércio Bahia) inaugurou nesta quinta-feira (18/07/2019) o Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral). A unidade, voltada aos comerciários e dependentes, mas aberta ao público em geral, recebeu investimento de R$ 24,5 milhões, em um terreno de 6.547,26 m² doado pela Prefeitura, durante o Governo Ronaldo. As edificações possuem 5.665,74 m² de área construída.

O Centro Cultural fica localizado na Praça Carlos Bahia, Centro, (próximo a Igreja Matriz), conta com instalações administrativas, restaurante escola, café-teatro, galeria de arte, biblioteca, sala multiuso, teatro com palco italiano, capaz de abrigar 294 pessoas, recursos técnicos de som e iluminação, camarins, espaço do artista e salas de ensaio/cursos, foyer e bilheteria. Estão previstas capacitação e formação de trabalhadores nos setores musical e gourmet.

O nome da unidade de Feira de Santana é uma homenagem ao ex-presidente da Federação do Comércio do Estado da Bahia, Carlos Fernando Amaral, que iniciou, durante o período em dirigiu o SESC, a interiorização das ações das entidades que compõem o Sistema Fecomércio na Bahia.

Durantes os discursos, os represantes da Fecomércio destacaram que a inauguração significa o cumprimento do objetivo principal da entidade, que é ampliar a promoção do bem-estar social e melhoria na qualidade de vida do público-alvo e da comunidade.

Ao receber a palavra, o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins Filho, destacou a parceira para realização do empreendimento e o fato do Centro Cultural se somar a outras iniciativas da administração municipal que objetivam a valorização do centro do cidade.

Show de abertura

O virtuoso Renato Teixeira apresentou, na abertura do Centro Cultural Carlos Fernando Amaral, o show ‘Um Poeta e Um Violão’, oferecendo ao público uma viagem emocionante e divertida pela música do interior do Brasil.

A cada música que tocava, Renato Teixeira relatava algum aspecto da letra ou do momento vivenciado. Hilário foi o instante em que narrou a participação, ao lado de Dominguinhos (1942 — 2013), a coautoria da letra ‘Amizade Sincera, destacando episódios que ocorreram no Rio de Janeiro. Outro nome citado como parceiro, foi o do publicitário e compositor Antonio Miranda, cofundador da Agência Artecapital, cuja sede fica em Feira de Santana.

“Escolhemos o repertório, acertamos o tom, definimos sonoridade e conceito visual. Para fecharmos o projeto musical, nos concentramos nos itens técnicos desenvolvendo recursos minimalistas e refinados. Decidimos que nosso cenário teria apenas as cores das luzes.  Assim, fomos embelezando e simplificando as coisas para que pudéssemos ter um show ágil, emocionante, comunicativo, em que lindas canções fossem misturadas com deliciosas causos”, comentou Renato Teixeira.

O artista é autor de sucessos musicais que fazem parte do show ‘Um Poeta e Um Violão’, a exemplo de Romaria, Tocando em Frente, Amora, Amanheceu, Peguei a Viola, Frete, Recado, misturam-se às canções inéditas que carregam revelações poéticas características do autor – “cada um de nós compõe a própria história” – e propagam a essência filosófica de sua obra – “tudo se dá no momento e depois, já não é”, disse o artista.

Presenças

O evento contou com as presenças de Colbert Martins Filho (MDB), prefeito de Feira de Santana; José Ronaldo de Carvalho (DEM), ex-prefeito de Feira de Santana; Juliana Cavalcanti, chefe de gabinete da Secretaria Desenvolvimento Econômico da Bahia, na oportunidade, representando o governador Rui Costa (PT) e o vice-governador João Leão (PP); os deputados federais José Cerqueira Neto (Zé Neto, PT) e João Roma (PRB), Carlos de Souza Andrade, presidente da Fecomércio Bahia; José Carlos Boulhosa Baqueiro, diretor regional do SESC Bahia; bispo Zanoni Demettino Castro e, representando a Construtora FCK, empresa responsável pela execução da obra, estiveram presentes os engenheiros João Pedro Kruschewsky e Ícaro Razéra.

O evento de inauguração contou, também, com as presenças de conselheiros do SESC, diretores da Fecomércio e Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC), funcionários do Sistema, além de vereadores, secretários municipais, autoridades e imprensa.

Programação aberta ao público

As comemorações pela inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana se estendem nos dias 19, 20 e 21 (sexta-feira, sábado e domingo), e é aberta ao público, contando com intensa programação, que inclui: visitas mediadas a unidade, exposição, oficinas, contação de histórias, exibição de filmes, sarau e apresentações musicais. Entre os destaques está o Grupo Wiyae, que através do Projeto Sonora Brasil, apresenta repertório de músicas do povo indígena Tikuna e de outras etnias. Os ingressos estarão à venda na bilheteria do teatro, das 15 às 20 horas, nos dias do evento.

Funcionamento do Restaurante

Voltado para a clientela preferencial e demais públicos, o restaurante de Feira de Santana, o primeiro do interior, inicia o atendimento nesta sexta-feira (19), na modalidade autosserviço a quilo, que possibilita atender 234 pessoas simultaneamente e produzir até 1.500 refeições/dia, além de fornecer o serviço de refeições para viagem. O cardápio possui elevado controle da qualidade nutricional, higiênico-sanitária e sensorial, supervisionado por nutricionistas, com vistas à melhoria da saúde, à prevenção e ao cuidado de agravos relacionados à alimentação e nutrição.

Baixe

Agenda SESC Sonora Brasil referente ao mês de julho de 2019

Prefeito Colbert Martins Filho discursa durante solenidade de inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Prefeito Colbert Martins Filho discursa durante solenidade de inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Renato Teixeira apresentou o show 'Um Poeta e Um Violão', durante inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral), ocorrida nesta quinta-feira (18/07/2019).
Renato Teixeira apresentou o show ‘Um Poeta e Um Violão’, durante inauguração do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Instalações do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Instalações do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Vista do interior do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Vista do interior do Centro Cultural e Restaurante SESC Feira de Santana (Centro Cultural Carlos Fernando Amaral).
Sobre Carlos Augusto 9717 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).