Noite de literatura lança da revista Òmnira, em homenagem ao professor Germano Machado, em Salvador

Capa da revista de Literatura Òmnira em homenagem ao professor Germano Machado.
Capa da revista de Literatura Òmnira em homenagem ao professor Germano Machado.
Capa da revista de Literatura Òmnira em homenagem ao professor Germano Machado.
Capa da revista de Literatura Òmnira em homenagem ao professor Germano Machado.

A União Baiana de Escritores (UBESC) e a Editora Òmnira promovem no próximo dia 14 de junho, às 18 horas, o lançamento da revista de Literatura Òmnira, em homenagem ao saudoso mestre, jornalista, professor, filósofo e escritor Germano Machado, no Salão Nobre da Fundação João Fernandes da Cunha (Largo do Campo Grande – Centro de Salvador). Na ocasião, também ocorrerá o lançamento do livro “Letras Pretas Cruas & Nuas” – Poesias com Luta e Contos de Amor, do jornalista, escritor e editor Roberto Leal, um dos discípulos do professor Germano Machado, idealizador do tributo.

Entre os destaques da revista está o artigo do presidente da Academia de Letras da Bahia, Joaci Góes, intitulado “Mais um réquiem para Germano Machado”, na qual destaca a inteligência, integridade, erudição e intelectualidade do homenageado: “Germano Machado é nome com assento garantido, em posição de relevo, no panteão dos grandes vultos da inteligência da Bahia e do Brasil”.

A publicação traz ainda textos de Alberto Peixoto (Feira de Santana/BA), Amanda Nascimento Pereira (Santa Catarina), António Sanches (Portugal), Audelina Macieira, Carlos Souza Yeshua, Conceição Ferreira, Darcy Brito, Eliseu Moreira Paranaguá, Emérita Andrade Ramos (Salvador), Gabriel Maia (Belém), Iolanda Soares (Rodelas/BA), Irá Rodrigues (Santo Estevão/BA), João Bosco Soares dos Santos, João Vanderlei de Moraes Filho, Luiz Menezes de Miranda (Salvador), Moustafa Assem (Cabo Verde/África), Neuza de Brito Carneiro (Feira de Santana/BA), Roberto Leal, Valdeck Almeida de Jesus (Salvador) e Willian Wollinger Brenuvida (Santa Catarina). A arte da capa é do artista plástico angolano Elias Jamba Sanjelembi.

Letras Pretas Cruas & Nuas – Dialogando com as últimas aulas do Curso de Filosofia, realizado aos sábados na Faculdade 2 de Julho, pelo professor Germano Machado, que versavam sobre a África, Roberto Leal apresenta o livro “Letras Pretas Cruas & Nuas” – Poesias com Luta e Contos de Amor, uma obra literária ambientada na África, mais precisamente em Angola e Cabo Verde, traçando uma trajetória de luta dentro de uma poesia as vezes revolucionária e outras vezes patriótica e amável saudando a Mãe África.  O livro é composto de contos de amor vividos com a mulher africana, de caráter forte e de enredo afável e espetacularmente amada de várias formas e modelo dentro de uma linguagem vivida nos prazeres do Amor.

O livro tem apresentação dupla do professor homenageado e do jornalista e escritor Valdeck Almeida de Jesus, orelhas do poeta angolano Ismael Farinha e capa do artista plástico cabo-verdiano Moustafa Assem. Essa obra literária é dedicada à poetisa e ativista cultural angolana Jovita Kifinamene Leal, representando assim todas as mulheres negras e africanas do universo. “Foi um prazer muito grande ter contato direto com a obra literária e filosófica desse mestre que foi o professor Germano Machado e que nos leva muito a refletir sobre o aprendizado filosófico e literário cepista brasileiro”, disse Jovita.

Agenda

O que: Lançamento da revista Òmnira e do livro Letras Pretas Cruas & Nuas – Poesias com Luta e Contos de Amor

Quando: Dia 12 de junho, às 18 horas

Onde: Fundação João Fernandes da Cunha

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109913 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]