MPT abre inquérito para apurar acidente fatal no aeroporto de Salvador

Vista aérea Aeroporto Internacional de Salvador — Deputado Luís Eduardo Magalhães (LEM).
Vista aérea Aeroporto Internacional de Salvador — Deputado Luís Eduardo Magalhães (LEM).
Vista aérea Aeroporto Internacional de Salvador — Deputado Luís Eduardo Magalhães (LEM).
Vista aérea Aeroporto Internacional de Salvador — Deputado Luís Eduardo Magalhães (LEM).

O acidente de trabalho que causou a morte do engenheiro eletricista Elison Santos Barbosa, de 35 anos, ocorrido no fim da tarde dessa quinta-feira (20/06/2019) no Aeroporto Internacional de Salvador será apurado em inquérito aberto pelo Ministério Público do Trabalho (MPT). Informações da auditoria fiscal do trabalho dão conta de que ele teria sofrido uma forte descarga elétrica na pista principal do terminal aéreo. Socorrido pelas equipes de atendimento pré-hospitalar, teria sido conduzido ao Hospital Municipal de Salvador, onde foi constatada a sua morte.

A pista principal do aeroporto chegou a ficar fechada para pousos e decolagens depois que uma obra realizada durante a madrugada causou o desligamento da sinalização luminosa em seu entorno, que serve de guia para os pilotos durante os pousos e decolagens, principalmente à noite. Ao tentar fazer a religação, o engenheiro teria tocado um quadro elétrico que julgava estar desenergizado e levou o choque.

Auditores-fiscais do trabalho, vinculados à Superintendência Regional do Trabalho da Bahia (SRT-BA) estiveram nesta sexta-feira (21/06) no local para iniciar as investigações sobre as responsabilidades do acidente. Como não foi possível ouvir testemunhas e apurar todas as circunstância do fato, o auditor já marcou um retorno ao local na próxima semana, quando fará também as solicitações de documentos das empresas envolvidas. Segundo familiares, Elison era funcionário de uma empresa terceirizada que prestava serviços no local, mas não souberam precisar o nome da empresa.

No inquérito aberto pelo MPT, ainda sem designação do procurador responsável, serão reunidos os relatórios de perícia do Departamento de Polícia Técnica (DPT) e da auditoria fiscal do trabalho. Após a obtenção dessas informações técnicas, deverão ser convocadas a empresa à qual o engenheiro era vinculado e a Infraero, empresa que administra o aeroporto. O objetivo do inquérito do MPT é apurar as responsabilidades para a ocorrência do acidente de trabalho e a ocorrência de eventuais descumprimentos de normas de saúde e segurança do trabalho.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120613 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.