Madre de Deus completa 30 anos e prefeito Jeferson Andrade comemora cem dias sem assassinatos ou tentativas de homicídio na cidade

Jeferson Andrade, prefeito de Madre de Deus.
Jeferson Andrade, prefeito de Madre de Deus.
Jeferson Andrade, prefeito de Madre de Deus.
Jeferson Andrade, prefeito de Madre de Deus.

Nesta quinta-feira (13/06/2019) é celebrado o aniversário de 30 anos de emancipação política de Madre de Deus. Os festejos do aniversário da cidade foram iniciados com o hasteamento das bandeiras do Brasil, da Bahia e do município. Logo após o padre Milton conduziu a celebração de uma missa na Igreja da Matriz.

E o ápice dos festejos foi uma sessão solene, logo após, na Câmara Municipal da cidade. O prefeito Jeferson Andrade (PP) aproveitou o seu discurso para mandar um recado para os próximos gestores do município.

“Hoje diversas políticas públicas nossas são referência para a Bahia e para o Brasil. Portanto, não podemos retroceder. Programas como a escola em tempo integral em todas as escolas e o nosso projeto de esportes, com o Centro de Alto Rendimento (que possibilita a muitos de nossos atletas brilharem na Bahia e no Brasil), não podem, de forma nenhuma, parar”, afirmou.

“O maior presente desta gestão aos cidadãos de Madre de Deus é o fato de estarmos há dez meses sem assassinatos e tentativas de homicídio. Não há nada como viver em um ambiente onde a violência não está nos rondando diariamente”, pontuou o chefe do Executivo municipal. A cidade conta com a Secretaria de Segurança Cidadã e o prefeito Jeferson Andade também atribui essa estatística ao trabalho social, com foco na formação das crianças e adolescentes.

Presente ao ato, o deputado estadual Niltinho (PP) pontuou “a brilhante administração do prefeito Jeferson Andrade. Por onde caminho na Bahia, destaco as conquistas de Madre de Deus. E temos ainda muito trabalho pela frente. Sou o primeiro deputado que representa Madre de Deus e o meu gabinete é uma extensão da cidade”.

Durante a sessão solene, foram executados os hinos do Brasil e da Bahia. E o Hino de Madre de Deus foi interpretado pelos seguintes artistas locais: Roberta Nascimento, Mirlene Dourado, Louise Monsine, Kael Salles, Gleidinho Salvattori, Bicudinho e Danilo.

E na sessão solene um painel de fotos prestou uma homenagem a diversas mulheres da cidade.

O evento contou com a presença dos secretários municipais, do presidente da Câmara Municipal de Madre de Deus, Paulinho de Nalva, e dos vereadores Cláudia Copque; Jodiane; Pastor Melk; Anselmo; Joyce Filha de Seu Hélio; Renato; Lindivaldo; Kikito e Val Peças.

Deputado estadual Nilton Silva Junior (Niltinho, PP), Jeferson Andrade, prefeito de Madre de Deus, familiares e amigos comemoram emancipação do município.
Deputado estadual Nilton Silva Junior (Niltinho, PP), Jeferson Andrade, prefeito de Madre de Deus, familiares e amigos comemoram emancipação do município.
Sobre Carlos Augusto 9517 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).