Líder governista anuncia novas obras e solicita investimento do Governo do Estado para zona rural de Feira de Santana

Marcos Lima: o Governo do Estado deveria investir na perfuração de poços artesianos aqui na zona rural. Não tem nenhum programa neste sentido na nossa região.
Marcos Lima: o Governo do Estado deveria investir na perfuração de poços artesianos aqui na zona rural. Não tem nenhum programa neste sentido na nossa região.
Marcos Lima: o Governo do Estado deveria investir na perfuração de poços artesianos aqui na zona rural. Não tem nenhum programa neste sentido na nossa região.
Marcos Lima: o Governo do Estado deveria investir na perfuração de poços artesianos aqui na zona rural. Não tem nenhum programa neste sentido na nossa região.

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta terça-feira (04/06/2019), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador e líder do Governo na Casa, Marcos Lima (Patriota), fez a defesa do Governo em relação às críticas da oposição e apresentou projetos que serão realizados pela Prefeitura na cidade.

Antes de Marcos Lima iniciar as defesas, o edil Luiz Augusto de Jesus (Lulinha, DEM), repercutiu um assunto tratado anteriormente, em relação aos projetos do Governo do Estado para a zona rural. “Paulo Souto concedeu a distribuição de sementes para beneficiar a zona rural. Hoje não vemos mais isso, a zona rural não é mais beneficiada com esse programa”, lembrou.

Já com o uso da palavra, o líder governista tratou sobre a visita do presidente da Caixa Econômica Federal a Feira de Santana. “Se falou muito que os vereadores não foram privilegiados na reunião com o presidente da Caixa, mas não falaram das parcerias e benefícios da Caixa com a Prefeitura. Está chegando uma PPP para o novo Anel de Contorno com 60 km; teremos a modernização da iluminação públicas das avenidas, onde o projeto será feito pela CEF, através de licitação internacional. Sem contar com a possibilidade da utilização de recursos do Fundo Ambiental a fundo perdido para melhorias de atividades de badameiros; a criação da Maratona Maria Quitéria, até a cidade de Cachoeira e a manutenção do Programa Habitacional Minha Casa Minha Vida”, defendeu.

Em aparte, o vereador Zé Filé (PROS) lembrou que os vereadores não puderam repercutir o que foi discutido na reunião com o presidente da CEF, porque foram convidados a se retirarem. “Como vão falar do que aconteceu na reunião, se foram expulsos? Quem tem que falar é Vossa Excelência mesmo, que estava na reunião”, concluiu. Também em aparte, Lulinha fez coro a fala de Zé Filé. “Exatamente. Não sabemos de nada e não podemos opinar”, disse Lulinha.

De volta com a palavra, Marcos Lima lembrou que a preocupação de todos é a melhoria para o Município. “Outra boa notícia que trago é que os agentes de endemias receberam novos fardamentos e equipamentos para atuarem no combate à dengue. Têm pessoas que não querem ver o que o Executivo está fazendo. A Escola Manoel Moreira, situada na localidade do Alto dos Santos, já esta em fase de elaboração de projeto e a secretária de Educação, Jaiana Ribeiro informa que nesta quinta e sexta-feira será reinaugurada a Escola Municipal Otaviano Campos, em Ipuaçu, às 9 horas. No bairro Nova Esperança, a Escola Marília Queiroz será inaugurada dia 07. Estaremos juntos nessas inaugurações. São obras, mas muitas pessoas não querem mostrar”, relatou.

Em relação à denúncia de que as pessoas que trabalharam na Micareta deste ano ainda não receberam seus pagamentos, o líder governista afirmou que a Prefeitura já pagou à empresa. “As pessoas devem procurar a empresa para receberem seus pagamentos, pois a Prefeitura já cumpriu com sua obrigação”, defendeu.

Também participando do debate, o edil Gilmar Amorim (PSDC) lembrou que não participou da reunião com o presidente da Caixa Econômica e pediu mais atenção do Executivo para com bairros da cidade. “Fico feliz com a preocupação do nosso prefeito, mas peço que se preocupe também com os bairros George Américo, Campo Limpo, Conjunto José Ronaldo, Diadema e mais, pois os moradores estão sofrendo com as carências. O asfalto mesmo acaba com um sereno, nem precisa de chuva”, pediu.

Segundo Marcos Lima, as avenidas terão asfaltamento novo. “O prefeito está trabalhando para oferecer mais conforto para os transeuntes. Vossa Excelência fez algumas indicações que estão sendo atendidas, a exemplo de iluminação. Tem grande prestígio com o prefeito e ele tem trabalhado. Teremos cinco novas escolas construídas, reformadas, o novo CMDI está sendo construído, teremos a Casa de Parto, o Hospital  da Mulher recebendo equipamentos novos”, pontuou.

Em aparte, o edil Edvaldo Lima (PP) pediu explicações ao líder sobre a lista de ruas que serão pavimentadas. “Nos disseram que seríamos informados das ruas que serão pavimentadas e as mais urgentes, mas até o momento não recebi nenhuma informação. O líder sabe algo sobre o assunto?”, cobrou.

Em resposta, o líder afirmou que os pedidos já foram encaminhados para o setor de licitação. “Mas, Vossa Excelência pode levar suas solicitações para o prefeito, por escrito, pois tenho certeza que vai atender no que puder”, findou.

Marcos Lima pede investimento do Governo do Estado na zona rural

O líder da bancada governista, vereador Marcos Lima (Patriota), reivindicou do Governo do Estado mais assistência para o trabalhador rural de Feira de Santana.

“O Governo do Estado deveria investir na perfuração de poços artesianos aqui na zona rural. Não tem nenhum programa neste sentido na nossa região. Isto ajudaria na irrigação e contribuiria para agricultura. O Governo do Estado é sempre bem votado na zona rural, mas não faz nada, não traz nada”, reprovou.

O parlamentar acrescentou que o Governo Municipal distribuiu, este ano, 60 toneladas de feijão e 30 toneladas de milho para pequenos agricultores. Mais de 15 mil famílias foram beneficiadas com as sementes orgânicas.  Segundo ele, uma safra boa pode resultar em 270 toneladas de feijão e milho. “Mas é preciso água para irrigar a plantação. Ou podemos perder boa parte destas sementes”, concluiu.

Em aparte, o vereador Edvaldo Lima (PP) informou que já fez duas indicações solicitando a perfuração de poços artesianos na zona rural. “O Governo do Estado trabalha com uma empresa que faz este serviço muito bem. Só falta realizar o serviço em nosso município”, completou.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 107977 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]