Ex-presidente do BNDES Joaquim Levy diz em CPI da Câmara dos Deputados que o banco “não tem o que esconder”

Joaquim Vieira Ferreira Levy, ex-presidente do BNDES, presta depoimento à CPI da Câmara dos Deputados que investiga possíveis práticas ilícitas no âmbito de atuação do banco federal de fomento. Audiência ocorreu nesta quarta-feira (26/06/2019).
Joaquim Vieira Ferreira Levy, ex-presidente do BNDES, presta depoimento à CPI da Câmara dos Deputados que investiga possíveis práticas ilícitas no âmbito de atuação do banco federal de fomento. 

A CPI que investiga práticas ilícitas no âmbito do BNDES tomou nesta quarta-feira (26/06/2019) o depoimento do ex-presidente da instituição Joaquim Levy.  Aos parlamentares, ele disse que fez “esforços de sucesso” para comunicar tudo o que acontece no BNDES e que o banco público “não tem mais o que esconder”. Sobre empréstimos feitos a outros países, Levy lembrou que foram decisões de governos anteriores.

Joaquim Vieira Ferreira Levy, ex-presidente do BNDES, presta depoimento à CPI da Câmara dos Deputados que investiga possíveis práticas ilícitas no âmbito de atuação do banco federal de fomento. Audiência ocorreu nesta quarta-feira (26/06/2019).
Joaquim Vieira Ferreira Levy, ex-presidente do BNDES, presta depoimento à CPI da Câmara dos Deputados que investiga possíveis práticas ilícitas no âmbito de atuação do banco federal de fomento.
Carlos Augusto
Sobre Carlos Augusto 9321 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).