Vereador tece críticas ao Governo Municipal de Feira de Santana; Líder governista rebate críticas

Roberto Tourinho: a Prefeitura de Feira não vem dando a atenção devida para que exames e consultas sejam realizadas. As pessoas demoram quatro, cinco meses para conseguirem uma consulta no posto, que só tem dois médicos.
Roberto Tourinho: a Prefeitura de Feira não vem dando a atenção devida para que exames e consultas sejam realizadas. As pessoas demoram quatro, cinco meses para conseguirem uma consulta no posto, que só tem dois médicos.
Roberto Tourinho: a Prefeitura de Feira não vem dando a atenção devida para que exames e consultas sejam realizadas. As pessoas demoram quatro, cinco meses para conseguirem uma consulta no posto, que só tem dois médicos.
Roberto Tourinho: a Prefeitura de Feira não vem dando a atenção devida para que exames e consultas sejam realizadas. As pessoas demoram quatro, cinco meses para conseguirem uma consulta no posto, que só tem dois médicos.

Em pronunciamento, na sessão ordinária desta terça-feira (28/05/2019), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o edil Roberto Tourinho (PV) repercutiu a manifestação que moradores do Campo do Gado Novo fizeram contra a saúde ofertada na localidade. O edil teceu severas críticas ao atual Governo Municipal.

“Quero dizer que os moradores do Campo do Gado Novo, do Residencial Campo Belo, na última semana fizeram um protesto em relação ao abandono da saúde na região. Aqui nesta tribuna, já relatei as condições de abandono que as populações daqueles bairros estão vivendo. A Prefeitura de Feira não vem dando a atenção devida para que exames e consultas sejam realizadas. As pessoas demoram quatro, cinco meses para conseguirem uma consulta no posto, que só tem dois médicos e um sai uma vez na semana para atender no Asa Branca”, pontuou Tourinho.

E continuou. “Não obstante o prefeito ser médico e a secretária enfermeira, essa turma está brincando de fazer saúde na cidade. Semana passada trouxe a informação de que o Centro Médico Especializado, vizinho ao Feira Tênis Clube, ano passado tinha cinco médicos infectologista para atender mais de 3 mil pacientes do DST AIDS, hoje há apenas dois médicos. O prefeito, a secretária fazem ouvido de mercador e cara de paisagem. Enquanto isso, a população reclama a falta de atendimento”, disparou.

Segundo o edil, o mesmo acontece em unidades de saúde de vários bairros da cidade. “Ouvi pessoas reclamando da Rua Nova. Semana passada, uma pessoa deu entrada na policlínica lá e não tinha praticamente nada para atender e quase foi a óbito, se não fossem os amigos para intermediar e ser regulado para o HGCA. É uma lastima. Além de desviar dinheiro público, R$ 71 milhões do Fundo Municipal de Saúde em uma verdadeira ação criminosa, essa turma está roubando descaradamente o dinheiro da saúde; alguns presos e outros soltos continuando na ação delituosa e enquanto isso, a população está desassistida nos postos de saúde. Espero que os culpados possam ser responsabilizados por meterem a mão no dinheiro público. Parabéns Targino, que levou para a Assembleia as ações criminosas que vem sendo feitas em Feira de Santana. É mais uma voz na ALBA”, disse.

Em aparte, o edil Isaías dos Santos (PSC) disse discordar das colocações do colega Roberto Tourinho. “Discordo quando diz que há roubalheira na saúde e do discurso do deputado Targino Machado. Todos sabem da insatisfação de Targino, por conta de um alvará que ele almeja da Secretaria de Saúde, então todo discurso é inflamado. E, se está existindo roubo como fala, até então nem a PF, nem o MP acharam vestígios do que falou”, afirmou.

De volta com a palavra, Tourinho disse que, se o colega tiver dúvidas das falcatruas, que pode visitar as pessoas presas no Presídio Regional de Feira de Santana. “Pois, lá ainda tem pessoas presas por desvio de verba pública”, disparou.

Para finalizar, Tourinho tratou ainda sobre o estádio Beira Riacho, situado em Feira de Santana. “Está completamente abandonado pela Prefeitura. Os moradores estão organizando um protesto. O deputado Arthur Maia, por intermédio do deputado Targino Machado, atendendo aos pedidos dos moradores do local, destinou mais de R$ 700mil para as melhorias neste local, mas até hoje, por incompetência da Prefeitura, não houve procedimento para essa verba ser liberada, correndo o risco de perdê-la. Muita incompetência. Para roubar essa turma é ágil, célere, mas para providenciar liberação dos recursos é preguiçosa”, findou.

Marcos Lima rebate críticas da oposição

O vereador e líder do Governo na Casa, Marcos Lima (Patriota) defendeu o Governo Municipal das críticas do oposicionista Roberto Tourinho (PV).

“Não poderia deixar de falar do caso do paciente atendido na policlínica da Rua Nova. Lá não falta medicamento, aliás em nenhuma policlínica falta. Se falar que precisa de reforma, eu concordo. Mas, quem precisa de plaquetas tem que ir para o HGCA, e a regulação desse paciente foi feita pela própria policlínica, não precisou de pedidos do deputado Targino”, defendeu.

E tratou sobre as críticas direcionadas à secretária de Saúde, Denise Mascarenhas e do procurador do Município, Cleudson Almeida. “Dizer que a secretária de Saúde e o doutor Cleudson são bandidos, pelo amor de Deus. Levante a ficha e me mostre. Eles foram citados, apenas isso. Não há nada contra a secretária de Saúde, ela foi apenas citada, por ser secretária de Saúde. Agora, querer desfazer, marginalizar uma pessoa que tem anos de trabalho sem provar nada, não podemos admitir. Termos que ter responsabilidade no que falamos’, findou.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108739 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]