Vereador culpa Governo da Bahia pela falta de segurança em Feira de Santana e região

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Luiz Augusto (Lulinha): é ele quem tem que dar segurança à nossa cidade e distritos. Hoje, só ouvimos falar de violência.
Luiz Augusto (Lulinha): é ele quem tem que dar segurança à nossa cidade e distritos. Hoje, só ouvimos falar de violência.
Luiz Augusto (Lulinha): é ele quem tem que dar segurança à nossa cidade e distritos. Hoje, só ouvimos falar de violência.
Luiz Augusto (Lulinha): é ele quem tem que dar segurança à nossa cidade e distritos. Hoje, só ouvimos falar de violência.

Em pronunciamento, na sessão ordinária desta quarta-feira (29/05/2019), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o edil Luiz Augusto de Jesus (Lulinha, DEM) culpou o Governo do Estado pelo crescimento da violência em Feira de Santana e distritos.

“Temos que culpar o Governo do Estado mesmo. É ele quem tem que dar segurança à nossa cidade e distritos. Hoje, só ouvimos falar de violência; ontem foram dois ônibus escolares assaltados na Matinha. Se não falarmos aqui o comandante não vai saber. Porque tiraram as viaturas de Tiquaruçu, Ipuaçu e Jaíba? A violência só aumenta quando os bandidos sabem que os locais estão desprotegidos. Temos que falar porque as pessoas estão com medo de sair de suas casas por conta de assaltos. Quando há policiamento, reduz a violência e se nós não cobrarmos, vai piorar. Temos que cobrar do secretário Estadual de Segurança Pública e do governador. Os moradores estão perdendo o direito de ir e vir”, pontou Lulinha.

Em aparte, o vereador Zé Filé (PROS) parabenizou o colega pelo discurso. “Precisa mesmo cobrar para reduzir a violência. Quero pedir as vítimas de assaltos que façam um Boletim de Ocorrência para que a polícia conheça os lugares onde a violência está mais incidente”, sugeriu.

De volta com a palavra, Lulinha disse que a PM tem conhecimento das ocorrências. “A PM tem rádio escuta. Todos os dias as pessoas fazem reclamações nos programas de rádio. As pessoas têm medo de ir à delegacia, mas a PM sabe quais são os pontos críticos. Precisa fazer alguma coisa. Quero uma resposta sobre a saída das viaturas dos distritos. Peço ao secretário de Prevenção à Violência, Pablo Roberto, para levar esse questionamento ao comandante da PM”, disse.

E continuou. “Quando Tarcízio Pimenta alocou as viaturas para os distritos, elas ficavam lá, mas porque que as destinadas pelo Estado não estão mais lá? Será que é por falta de recursos para comprar gasolina? A violência agora é contra os ônibus escolares, ontem foi um terror, tomaram todos os pertences dos alunos, que ficaram em estado de choque”, relatou.

Para finalizar, Lulinha convidou os presentes na sessão e a imprensa local para participarem da Sessão Solene em Homenagem ao Dia Municipal do Gari. “Vamos homenagear os que limpam nossa cidade. Os garis serão homenageados pelos vereadores, será uma sessão muito interessante, vamos mostrar os que estão fazendo faculdade, os que têm orgulho de ser gari e mais”, convidou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113755 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]