PAA Leite distribui mais de 2 milhões de litros nos quatro primeiros meses de 2019; Governo Rui Costa amplia política de segurança alimentar

Crianças são beneficiadas com política de segurança alimentar.
Crianças são beneficiadas com política de segurança alimentar.
Crianças são beneficiadas com política de segurança alimentar.
Crianças são beneficiadas com política de segurança alimentar.

O Programa de Aquisição de Alimentos – Modalidade Leite (PAA Leite) atingiu a marca de 2 milhões de litros de leite distribuídos, entre leite bovino e caprino, num investimento de mais de R$ 4,6 milhões. Executado na Bahia pela Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social do Governo do Estado em parceria com as prefeituras municipais, o programa fortalece a agricultura familiar e reduz a vulnerabilidade com o combate à fome e à desnutrição infantil.

O Programa de Aquisição de Alimentos atua em duas frentes: na primeira, adquire o leite bovino e caprino de agricultores familiares, promovendo geração de renda e fortalecimento da cadeia produtiva. Na segunda ponta, o programa realiza a doação a pessoas que estão em situação de insegurança alimentar, atendidas pela rede socioassistencial, além de alunos das redes públicas de ensino dos municípios, prioritariamente de 02 a 07 anos.

Os números do programa na Modalidade Leite impressionam. De acordo com a Superintendência de Inclusão e Segurança Alimentar da SJDHDS, a meta do convênio estabelece a aquisição e distribuição de 145.521 mil litros de leite por dia. No total, são 101 mil famílias beneficiadas com 1.500 unidades recebedoras do produto, além de 3.200 produtores familiares. Em toda a Bahia, 80 municípios são beneficiados com o programa.

“O nosso objetivo é que esse programa tenha continuidade e disponibilidade de recursos por parte do Governo Federal, que tem papel decisivo no futuro do programa. Os agricultores familiares, as famílias beneficiadas, os prefeitos e o Governo do Estado atuam para que o programa tenha ainda muitos números expressivos para alcançar e vidas para mudar”, afirma o secretário Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Bahia, Carlos Martins.

Irará

Um dos exemplos de sucesso do programa na Bahia é o município de Irará. No local, a Cooperativa Agripecuária de Pedrão (Coaped) fornece diariamente 400 litros/dia de leite bovino. O alimento é distribuído nos Centros de Referência da Assistência Social (Cras), creches, escolas e associações do município, localizado a 136 km de Salvador. Além de Irará, a cooperativa também distribui 400 litros/dia nos municípios de Pedrão, Água Fria e Aramari.

“O PAA é um programa muito importante para a agricultura familiar, mas não apenas por gerar renda e beneficiar famílias em situação de vulnerabilidade social. Ele fortalece as cadeias produtivas, faz circular recursos na própria cidade e realiza a entrega para famílias e entidades da região. É o Estado apoiando a promoção do senso noção de comunidade entre todos os envolvidos”, pontua Rose Pondé, superintendente de Inclusão e Segurança Alimentar da SJDHDS.

PAA Leite

O Programa de Aquisição de Alimentos – PAA, criado pelo artigo 19 da Lei nº 10.696, de 02 de julho 2003, possui duas finalidades básicas: promover o acesso à alimentação saudável e fortalecer a agricultura familiar, na perspectiva da inclusão produtiva rural através da garantia de renda.

Na Modalidade Leite, o objetivo é contribuir para o abastecimento alimentar de famílias em situação de vulnerabilidade social, por meio da distribuição gratuita de leite, além de incentivar a produção de leite dos agricultores familiares para fortalecer o setor produtivo local e a agricultura familiar, e integrar o leite aos demais ciclos de abastecimento do PAA.

O PAA Leite adquire leite de vaca e de cabra, que deve ser de produção própria dos agricultores familiares e deve cumprir os requisitos de controle de qualidade dispostos nas normas vigentes.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108671 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]