Governador em exercício, Nelson Leal recebe presidente da Hammer, que quer investir R$ 15 milhões na Bahia

Governador em exercício Nelson Leal recebe diretores da Companhia Hemmer.
Governador em exercício Nelson Leal recebe diretores da Companhia Hemmer.
Governador em exercício Nelson Leal recebe diretores da Companhia Hemmer.
Governador em exercício Nelson Leal recebe diretores da Companhia Hemmer.

O governador em exercício, deputado Nelson Leal, recebeu hoje (14/05/2019) os diretores da Companhia Hemmer, de Santa Catarina, que pretende investir R$ 15 milhões em uma fábrica de processamento de pepino em conserva no município de Iuiu, no sudoeste da Bahia. “O negócio da empresa é pepino, literalmente”, brincou Leal, ao atender os diretores da empresa catarinense de alimentos, entre eles o presidente do Conselho Consultivo, Alessandro Luef, e o gestor financeiro, Fauzi Abdel Aziz, acompanhados da deputada estadual Ivana Bastos, do prefeito de Iuiu, Reinaldo Góes, e de técnicos da Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

 No Vale do Iuiu, a cultura do pepino está em grande expansão. O projeto da Hammer começou em 2017 com 14 hectares, gerando 210 empregos e faturando R$ 1 milhão. Hoje, são 70 hectares cultivados, 1.050 empregos diretos e previsão de faturamento de R$ 5 milhões. “Estou me comprometendo a advogar pelo projeto da Hammer com o governador Rui Costa, porque acredito na agroindústria para desenvolver o interior da Bahia. Precisamos quebrar esse modelo de concentração industrial que nós temos, todo ele na Região Metropolitana de Salvador. O cultivo da variedade de pepino voltada para conservas (picles) é um investimento que leva à geração de mais empregos no campo”, argumenta o governador em exercício.

O presidente da Hammer disse que encontrou na Bahia a segurança jurídica necessária para investir e ampliar a produção. “As alterações climáticas e o êxodo rural na nossa região fazem com que a Hammer precise ir cada vez mais longe em busca da matéria-prima ideal, aumentando nossos custos de logística. O nosso projeto na Bahia reduz essa dependência. Acreditamos no potencial do Estado e o povo é trabalhador. Os investimentos já feitos nos últimos anos comprovam os resultados”, diz Alessandro Luef.

Para a deputada Ivana Bastos, a implantação de uma indústria de processamento da Hammer no Vale do Iuiu pode ampliar a cadeia da agroindústria na região. “Hoje, a companhia envia anualmente cerca de 130 carretas carregadas com pepino cultivado na Bahia para a fábrica de Blumenau, em Santa Catarina. Com a unidade fabril na Bahia, os custos com logística serão bastante reduzidos e a empresa poderá ampliar seu leque de alimentos processados, como, por exemplo, palmito, pimenta, cebola e molhos à base de frutas, como morango e manga, todos produzidos em terras baianas”, enumera Bastos.

Pouca Água

As plantações na Bahia do pepino para conserva são irrigadas pelo sistema de gotejamento, com o consumo de pouca água. Assim, as lavouras podem ser mantidas com água captada de poços tubulares, sem comprometer o lençol freático. O baixo consumo hídrico também reduz os custos da energia na irrigação, usada por mais de 90% dos agricultores no período noturno.

Uma grande vantagem para os plantadores de pepino, com a parceria, está na possibilidade de os produtores plantarem sem a necessidade imediata de gastar recursos próprios ou ter que contratar empréstimo em banco. A indústria de conservas fornece as sementes, equipamentos de irrigação, adubo, defensivos e outros insumos para o cultivo, além de prestar assistência técnica. A despesa é descontada posteriormente durante o acerto da compra da produção, adquirida pela empresa fundada em 1915.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120613 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.