Vereadores abordam denúncias relacionadas ao Shopping Popular de Feira de Santana

Roberto Tourinho: como foi solicitado por alguns vereadores, ao final da sessão vamos conhecer melhor o Shopping.
Roberto Tourinho: como foi solicitado por alguns vereadores, ao final da sessão vamos conhecer melhor o Shopping.
Roberto Tourinho: como foi solicitado por alguns vereadores, ao final da sessão vamos conhecer melhor o Shopping.
Roberto Tourinho: como foi solicitado por alguns vereadores, ao final da sessão vamos conhecer melhor o Shopping.

Vereadores debateram na Câmara Municipal de Feira de Santana denúncia sobre venda de boxes do Shopping Popular e suposto pedido de 250 pontos comercias feito pelo vereador Luiz da Feira (PPL).

Roberto Tourinho afirma que é preciso investigar denúncias relacionadas ao Shopping Popular

Na sessão desta segunda-feira (08/04/2019), durante discurso na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Roberto Tourinho (PV) afirmou que as denúncias de venda de boxes do Shopping Popular e do suposto pedido de 250 pontos comercias feito pelo vereador Luiz da Feira (PPL) são gravíssimas e precisam ser apuradas.

A construção do Shopping Popular é uma Parceria Público Privada, construída em uma área nobre que foi cedida pelo Governo Municipal e com investimento público de R$ 20 milhões, ressaltou Tourinho.

“Na semana passada recebemos com surpresa a informação que os boxes serão divididos com madeirite e que os banheiros serão em containers. Como foi solicitado por alguns vereadores, ao final da sessão vamos conhecer melhor o Shopping”, disse. Ele acrescentou que vai protocolar requerimento pedindo algumas explicações sobre a construção.

José Menezes fala sobre caso do Shopping Popular

O vereador José Menezes (Zé Filé, PROS) iniciou seu discurso lamentando a denúncia feita contra o vereador Luiz Ferreira Dias (Luiz da Feira, PPL) pelo empresário Elias Tergilene, responsável pela construção do Shopping Popular.

“Com tristeza que vejo estas notícias. Busquei informações desde 2017. Mas só recebi pela metade. Vejo o amigo Luiz da Feira lutando, buscando providência”, disse.

Zé Filé salientou que foram investidos R$ 20 milhões do erário na obra. “Eles querem vender o que não é deles. Depois vão querer aumentar de tal maneira, que o pequeno comerciante não vai ter condição de pagar”, acredita.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110932 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]