Vereador aguarda posição do PROCON de Feira de Santana diante de cobrança da Embasa

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Roberto Tourinho: há moradores que fizeram gato e a Embasa, para não deixar de receber, rateou os custos nas contas dos moradores que pagam suas contas.
Roberto Tourinho: há moradores que fizeram gato e a Embasa, para não deixar de receber, rateou os custos nas contas dos moradores que pagam suas contas.
Roberto Tourinho: há moradores que fizeram gato e a Embasa, para não deixar de receber, rateou os custos nas contas dos moradores que pagam suas contas.
Roberto Tourinho: há moradores que fizeram gato e a Embasa, para não deixar de receber, rateou os custos nas contas dos moradores que pagam suas contas.

No uso da tribuna, na sessão ordinária desta segunda-feira (22/04/2019), na Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Roberto Tourinho (PV) relatou que esteve no Procon para tratar da cobrança indevida que a Embasa está fazendo para com os moradores do Aviário I e II e Alto do Papagaio, adimplentes do pagamento da prestação de serviço. O edil tratou também sobre a possibilidade da suspensão do desconto sindical da APLB pela Prefeitura.

“Na última quarta-feira fui recebido pelo diretor do Procon, Ícaro Ivvin, acompanhado de moradores dos residenciais Aviário I e II e do Alto do Papagaio. Fomos lá tratar sobre a cobrança indevida, o rateio que a Embasa está fazendo com eles. Há moradores que fizeram gato e a Embasa, para não deixar de receber, rateou os custos nas contas dos moradores que pagam suas contas”, relatou Tourinho.

E continuou. “A TV Subaé fez uma longa matéria tratando do assunto e de outros residenciais que já trouxe nesta Casa. Quero agradecer a acolhimento no Procon e entregamos ao diretor uma grande quantidade de contas de água. Contas de quase R$ 300, onde as pessoas não têm condições de pagar e não são obrigados a pagar. Esse valor é inaceitável e foge à realidade daqueles moradores. O Procon fez contato com a Embasa e estamos aguardando uma resposta’, disse.

Segundo Tourinho, a Embasa se baseou em uma resolução da agência reguladora para realizar a cobrança. “O Procon vai analisar a constitucionalidade dessa resolução e identificar as providências que podem ser adotadas. Ainda hoje vou fazer contato com o doutor Ícaro para saber quais providências serão adotadas”, garantiu.

APLB

Para finalizar, Tourinho levou à tribuna a informação de um possível corte no repasse do desconto sindical dos professores à APLB pela Prefeitura. Segundo o edil, caso isso aconteça o prefeito Colbert Martins dará demonstrações de que não tem preparo para assumir o cargo.

“Durante muitos anos, em Feira de Santana, a APLB tem um convênio com a Prefeitura, onde todos os professores que permitem o desconto sindical, este é remetido à APLB, isso acontece há mais de 20 anos. Tomei conhecimento de que o prefeito, insatisfeito com as críticas, está propenso a suspender o desconto dessa consignação. Colbert, se Vossa Excelência cometer esse desatino, mostrará o quanto está despreparado para assumir o cargo. Sindicato não é para beijar mão de quem quer que seja, e sim defender interesses da categoria’, pontuou.

E disse que a atitude lhe causa estranheza, uma vez que o prefeito sempre assumiu postura de oposição. “Me causa estranheza isto vir de um governante que cresceu a sua vida na oposição. Se isso acontecer, lamento profundamente e este não é o Colbert que conheci há muitos anos e o político que esteve comigo defendendo bandeiras em Feira de Santana. Lamento que o senhor está sendo incentivado por quem nunca teve coragem de fazer tal coisa”, disparou.

Em aparte, o petista Alberto Nery disse que o Governo Federal impetrou uma medida que impede o desconto sindical no contracheque. “Esse Governo que não tem compromisso com a classe trabalhadora impetrou esta medida, mas nós de sindicatos conseguimos derrubar essa decisão através de liminar e as empresas já podem realizar o desconto e o repasse. Oriento a APLB que faça o mesmo”, aconselhou.

Para finalizar, Tourinho lembrou que a decisão do não repasse do desconto sindical para a APLB tomou corpo ano passado.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113566 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]